Mais de 1200 programas de MBA aceitam as pontuações obtidas nesses dois testes como parte da avaliação para ingresso em escolas de negócios. Mas antes de decidir qual fazer é fundamental pesquisar diretamente na escola de seu interesse para verificar qual dos dois exames é aceito por lá. Pode acontecer de os dois serem admitidos. Mas afinal quais são as diferenças entre eles? E, além disso, qual se encaixa melhor no que você procura: GRE ou GMAT? É o que você irá descobrir agora.

Compare as diferenças entre os conteúdos e estruturas das duas provas:

Objetivo

O GMAT (Graduate Management Admission Test)é o teste mais popular para admissão nas escolas de negócios (MBA). Já o GRE (Graduate Records Examinations) é o mais exigido em programas de pós graduação acadêmicos. No entanto, o número de escolas de negócios que aceitam também o GRE tem aumentado consideravelmente.

Estrutura

O GRE consiste em uma seção de escrita analítica de 60 minutos, com duas redações de 30 minutos cada. Há ainda duas seções de raciocínio verbal de 30 minutos e duas seções de raciocínio quantitativo de 35 minutos. Por fim uma seção experimental de 30 a 35 minutos que pode ser matemática ou verbal.

Já o GMAT é composto por uma seção de 30 minutos de escrita analítica com uma redação, uma seção de raciocínio integrado de 30 minutos, uma seção quantitativa de 62 minutos e uma seção verbal de 65 minutos.

Formato

O GRE é oferecido na versão para computador e também em papel em locais do mundo onde o teste online não pode ser disponível. Já o GMAT é oferecido apenas na versão digital.

Pontuação e custo

O GRE tem a pontuação mínimo de 130 e máxima de 170 pontos. Por sua vez no GMAT esse valor varia entre 200 e 800 pontos. Já o custo da prova é menor no GRE, que custa $205. O GMAT é um pouco mais caro, no valor de $250.

Tempo de teste e validade

A duração do GRE varia de acordo com o formato da prova. A versão computadorizada dura 3 horas e 45 minutos. Já a versão em papel dura 3 horas e meia, que é o mesmo tempo de prova do GMAT. Em comum as duas provas têm o fato de serem válidas por 5 anos.

Baixe o nosso e-book “GRE: Tudo o Que Você Precisa Saber”

GRE ou GMAT: qual é o mais adequado pra você?

Em geral, o GMAT é recomendado para os que têm fortes habilidades analíticas e quantitativas e que também se destacam na interpretação de dados apresentados em gráficos, tabelas e textos para resolver problemas complexos.

A seção de matemática do GRE tende a ser mais direta e, ao contrário do GMAT, inclui uma calculadora para todos os problemas quantitativos. Pessoas com facilidade em gramática tendem a preferir a seção verbal do GMAT. Já aqueles com mais facilidade na parte de vocabulário podem preferir a do GRE.

A maior vontade do GRE em relação ao GMAT é a possibilidade de pular questões e resolvê-las depois. Isso porque a prova do GMAT usa um formato adaptável. Ela baseia o nível de dificuldade da sequência de perguntas com base na ordem. Dessa forma o candidato acaba sendo forçado a responder cada pergunta sequencialmente. Já o GRE permite que os candidatos pulem as perguntas que fazem parte da mesma seção e retornem a elas quando bem entenderem. Ou seja, a sequência da prova se adapta de acordo com a performance na seção anterior

Onde fazer?

Os dois testes são realizados em diversos centros de aplicação espalhados ao redor mundo, inclusive no Brasil. Para verificar os locais de prova do GMAT clique aqui. Já para o GRE acesse esse link.

Mas então, qual dessas duas provas padronizadas mais se adéqua ao que você precisa: GRE ou GMAT? Para decidir isso com 100% de clareza é aconselhável que se procure pela ajuda da nossa mentoria especializada. Faça agora mesmo o seu teste de perfil clicando aqui e junte-se ao nosso time de mentorados!  


Rafael Cerqueira

Rafael Cerqueira

Jornalista de 26 anos que adora viajar. Baiano que já viveu em Minas, em São Paulo, em Portugal e na Argentina. Conhece 26 países e tem o sonho de conhecer muito mais. Acredita que o mundo é grande demais e o tempo muito curto pra ficarmos parados sempre no mesmo lugar.