Estudar nos Estados Unidos é um sonho que envolve custos ligados à moradia, transporte, mensalidades, taxas acadêmicas e alimentação, entre outras coisas. Mas além desses, existem também outros gastos extras pouco comentados que podem impactar no orçamento e por isso também devem entrar no seu planejamento antes de viajar para o país. Vamos falar sobre quatro deles abaixo!

custos-estudar-nos-eua
(Foto: LinkedIn Sales Navigator/Unsplash)

Custos inesperados de habitação

Se o seu plano é ir estudar nos EUA e viver em uma das moradias dentro do campus, provavelmente já deve estar mais ciente dos valores relacionados a isso. Mas se você planeja morar fora do campus, deve se preparar para os custos de aluguel de um apartamento, que podem variar bastante dependendo da localização.

Como funcionam os dormitórios nas universidades americanas?

Uma coisa que provavelmente você não sabe é que como os estudantes internacionais geralmente não têm o número de seguro social exigido para o fechamento de contratos de aluguel, alguns proprietários de apartamentos acabam solicitando um depósito de segurança maior e/ou um determinado número de meses pagos adiantados.

Mas mesmo para os alunos que planejam morar em um dormitório no campus, ainda podem haver alguns custos inesperados. Por exemplo, algumas faculdades podem exigir que os alunos se mudem durante as férias de inverno. E se o estudante internacional não puder voltar para casa ou ficar com um amigo, ele terá que solicitar ajuda da instituição ou encontrar outro lugar para morar durante esse intervalo.

Despesas para matar a saudade de casa

Grande parte das universidades americanas incluem um plano de alimentação no valor das anuidades cobradas para os alunos. Mas não tem jeito! Quando estamos vivendo fora, uma hora ou hora bate aquela saudade da comida do nosso país. E aí nesses casos o jeito é recorrer aos supermercados ou restaurantes étnicos, que podem cobrar valores um pouco salgados.

Mas como esse é um custo secundário, já que partimos da ideia de que você só irá gastar com isso em ocasiões especiais, você pode incluí-lo no seu orçamento para atividades de lazer e entretenimento. E claro, além dos gastos diretos com isso, você também deve incluir as despesas com transporte para se locomover até esses locais.

E se você preferir economizar cozinhando seus pratos do Brasil em casa, não se esqueça que ainda assim gastará para comprar os produtos e provavelmente alguns utensílios domésticos. Uma boa dica pra economizar é levar na sua bagagem algumas comidinhas que você sabe que terá vontade de comer ao longo do seu intercâmbio.

Impostos e gorjetas

Os estudantes internacionais devem planejar um orçamento para impostos e gorjetas sobre vendas para quando estiverem morando nos EUA.

Apenas quatro estados do país não cobram impostos sobre vendas, sendo eles Montana, Oregon, Delaware e New Hampshire. Em todos os outros, o valor total a ser pago pelos produtos será maior que o preço real.

Outro questão a se pensar são as gorjetas, que são uma característica bastante forte da cultura americana. O comum por lá é dar gorjetas de 10 a 20% do valor total da conta para os garçons; além de planejar gorjetas para corridas de táxi, entrega de comida e serviços de salão, entre outros.

Férias de inverno, primavera e verão

Também é recomendado fazer um orçamento para viagens nas férias das aulas, seja para visitar sua família ou para passeios turísticos dentro dos EUA. E aqui a dica é se planejar para comprar as passagens o mais rápido possível, de preferência no início de cada semestre.

Como economizar nas passagens aéreas?

Ao reservar tudo com antecedência, as chances de conseguir preços promocionais são maiores, e isso vale tanto para passagens aéreas quanto para acomodação.

Universidade do Intercâmbio

E aí, você já tinha parado pra pensar nesses custos escondidos para estudar nas universidades americanas? Mas antes de se preocupar com isso, você deve se preparar para conquistar sua vaga dos sonhos por lá, e de preferência com uma ótima bolsa. E a boa notícia é que nós podemos te ajudar com isso através da nossa mentoria especializada e todo o nosso time de mentores! Faça agora mesmo o seu teste de perfil clicando aqui!


Rafael Cerqueira

Rafael Cerqueira

Jornalista de 26 anos que adora viajar. Baiano que já viveu em Minas, em São Paulo, em Portugal e na Argentina. Conhece 26 países e tem o sonho de conhecer muito mais. Acredita que o mundo é grande demais e o tempo muito curto pra ficarmos parados sempre no mesmo lugar.