Além de nos prevenirmos contra o avanço das infecções por COVID-19, temos também que combater a disseminação de fake news sobre o coronavírus. Para você poder conferir se as informações que recebeu nas redes sociais são reais, montamos este teste de verdadeiro ou falso com algumas das principais notícias que circulam atualmente sobre o vírus:

vírus-fake-news-sobre-o-coronavirus

Identifique as fake news sobre o coronavírus marcando as manchetes com “verdadeiro” ou “falso”:

"O plasma de pacientes recém-recuperados pode tratar outros infectados pelo COVID-19"

“Prender a respiração por 10 segundos indica se a pessoa tem a doença”

“Ingestão de álcool ajuda a combater o vírus”

"O surto do vírus na Itália aconteceu porque a população de lá é mais velha"

"Produtos vindos da China podem carregar o coronavírus"

"O coronavírus veio dos inseticidas”

"A vacina contra o COVID-19 já foi descoberta mas os governos estão escondendo”

“Água quente é capaz de matar o vírus”

"A China fechou o último hospital improvisado para tratar o coronavírus"

"Uma idosa chinesa de 103 anos conseguiu se recuperar totalmente do COVID-19 após tratamento na China"


Lembre-se que é importante conferir sempre a fonte das notícias que circulam nas redes sociais. A disseminação do COVID-19 é grave, mas, com fake news sobre o coronavírus, a prevenção e o tratamento, ela pode ficar ainda pior. Não se esqueça também de seguir as recomendações da OMS: sempre lavar as mãos por pelo menos 20 segundos, cobrir a boca com a parte interna do braço quando espirrar e evitar de sair na rua.

Intercâmbio com a UDI

Se, durante o isolamento, você quiser aproveitar para se preparar para conquistar uma oportunidade no exterior no futuro, você pode contar com a nossa mentoria especializada, 100% online. Clique aqui e faça agora mesmo o seu teste de perfil.

Cadastre seu e-mail aqui para receber nossa newsletter semanal e acompanhar tudo o que publicamos no Blog.


Lucas Almeida

Lucas Almeida

Mineiro, jornalista e mestrando em Comunicação. Entusiasta de idiomas, viagens e cibercultura. Tem o sonho de mudar o mundo, uma pauta de cada vez.