Provavelmente você tem alguma ideia de quais são as melhores universidades dos Estados Unidos, da Europa, da Austrália, do Canadá e até da Ásia. Mas alguma vez você já parou para se perguntar quais são as melhores universidades da África? Sim, o continente pode até não ser a sua primeira opção de destino de intercâmbio mas fique sabendo que por lá também existem universidades de ponta e renome internacional, principalmente na África do Sul, como você vai ver na lista.

Confira agora as 10 melhores universidades da África!

1. Universidade da Cidade do Cabo – África do Sul

Fundada em 1918, a Universidade da Cidade do Cabo já existia como faculdade desde 1829 e é uma instituição pública localizada nos subúrbios da Cidade do Cabo, a capital legislativa e segundo principal centro urbano, financeiro e cultural da África do Sul.

A instituição tem cerca de 20 mil alunos espalhados por seis campi e é uma das universidades que mais produz pesquisa em todo o continente africano, se destacando nos principais rankings internacionais. Também é a universidade mais antiga da África Subsaariana, ao lado da Universidade Stellenbosch, também na África do Sul. Mais um dado interessante: 5 cientistas associados à instituição já foram laureados com o Prêmio Nobel.

melhores-universidades-da-africa-universidade-da-cidade-do-cabo

A Universidade da Cidade do Cabo ocupa a primeira posição entre as melhores universidades da África

2. Universidade de Pretória – África do Sul

Fundada em 1930 (já existia desde 1908 com outras denominações), a Universidade de Pretória é uma instituição pública localizada nos subúrbios da cidade de Pretória, a capital administrativa da África do Sul. A UP, como é conhecida, tem cerca de 53 mil alunos e oferece programas de bacharelado, mestrado e doutorado em diversas áreas de estudo, como Educação, Economia, Engenharia, Ciências da Saúde, Direito, Veterinária, Teologia e Ciências Humanas.

melhores-universidades-da-africa-universidade-de-pretoria

Universidade de Pretória

3. Universidade de Witwatersrand  – África do Sul

Localizada em  Johannesburgo, maior cidade da África do Sul, a Universidade de Witwatersrand foi fundada em 1922 e conta com pouco mais de 40 mil alunos (63% de graduação e 35% de pós-graduação). É popularmente conhecida como Wits University ou simplesmente Wits. Tem como um de seus ex-alunos mais famosos, ninguém mais, ninguém menos que Nelson Mandela!

melhores-universidades-da-africa-universidade-de-pretoria-universidade-de-Witwatersrand

Universidade de Witwatersrand

4. Universidade de Joanesburgo – África do Sul

A Universidade de Joanesburgo (UJ) também fica em Johannesburgo e é uma universidade pública que surgiu em 2005 como resultado de uma fusão entre a Rand Afrikaans University (RAU); a Technikon Witwatersrand (TWR) e os campi de Soweto e East Rand da Vista University. Antes da fusão, os campus de Daveyton e Soweto da antiga Vista University já haviam sido incorporados à RAU. Como resultado dessa fusão da Rand Afrikaans University, é comum os ex-alunos se referirem à universidade como RAU até hoje. A UJ conta com quase 50 mil alunos. Desses, 3 mil são estudantes internacionais de 80 países.

melhores-universidades-da-africa-universidade-de-johannesburgo

Universidade de Johannesburgo

5. Universidade de KwaZulu-Natal – África do Sul

A Universidade de KwaZulu-Natal (UKZN) é uma universidade pública com cinco campi nas cidades de Durban, Westville, Pinetown e Pietermaritzburg, todas na província de KwaZulu-Natal, África do Sul. Foi formada em janeiro de 2004, após a fusão entre a Universidade de Natal e a Universidade de Durban-Westville e hoje conta com cerca de 50 mil alunos.

melhores-universidades-da-africa-universidade-de-pretoria-universidade-natal

Universidade de KwaZulu-Natal

6. Universidade de Stellenbosch – África do Sul

A Universidade de Stellenbosch (SU) é uma instituição pública situada em Stellenbosch, uma cidade na província de Western Cape na África do Sul. Junto com a Universidade da Cidade do Cabo, também detém os títulos de universidade mais antiga da África do Sul e da África Subsaariana. A SU projetou e fabricou o primeiro microssatélite do continente africano, o SUNSAT, lançado em 1999. Também foi a primeira universidade africana a assinar a Declaração de Berlim sobre o Acesso Aberto ao Conhecimento nas Ciências e Humanidades. Conta com cerca de 19 mil alunos de graduação e 10 mil de pós-graduação.

melhores-universidades-da-africa-universidade-de-pretoria-Stellenbosch

Universidade de Stellenbosch

7. Universidade de Nairóbi – Quênia

A Universidade de Nairóbi (UoN) é uma das maiores instituições de ensino superior do Quênia, com mais de 70 mil alunos de graduação e 12 mil de pós-graduação. Embora sua história como instituição educacional remonte a 1956, a UoN só se tornou uma universidade independente em 1970. Neste ano, a Universidade da África Oriental foi dividida em três instituições independentes: a Universidade Makerere, em Uganda; a Universidade de Dar es Salaam, na Tanzânia e a UoN.

melhores-universidades-da-africa-universidade-de-nairobi

Universidade de Nairobi

8. Universidade North-West – África do Sul

A Universidade North-West (NWU) é uma instituição pública que surgiu em 2004 a partir da fusão da Potchefstroom University for Christian Higher Education com a  University of Bophuthatswana. Possui três campi nas cidades de Potchefstroom (sede), Mahikeng (anteriormente Mafikeng) e Vanderbijlpark. É uma das maiores universidades da África do Sul em número de alunos: são pouco mais de 64 mil matriculados em cursos presencias e a distância. Entre os seus ex-alunos famosos destacam-se a ex-Miss Universo Demi-Leigh Nel-Peters e os jogadores de Rugby Gerhard Mostert e Warren Whiteley.

melhores-universidades-da-africa-north-west-university

Universidade North-West

9. Universidade do Cairo – Egito

A Universidade do Cairo é a principal universidade pública do Egito. Seu campus central fica em Gizé,  a terceira maior cidade do país. Foi fundada em 21 de dezembro de 1908, primeiramente na cidade do Cairo. Porém, em 1929, suas faculdades foram sendo estabelecidas no atual campus. Mas antes que você se confunda, a explicação é simples: as duas cidades ficam uma de frente pra outra, separadas apenas pelo rio Nilo.

É a segunda instituição de ensino superior mais antigo do Egito, depois da Universidade Al Azhar, fundada em  975 d.C! Tá aí um record difícil de quebrar rs. No seu início, a instituição foi fundada e financiada por um comitê de cidadãos com patrocínio da monarquia do país. Em 1925, tornou-se uma instituição estatal sob o regime do rei Fuad I. Já em 1940, 4 anos após sua morte, a instituição foi renomeada como Rei Fuad I University, sendo renomeada mais uma vez após a revolução egípcia de 1952.

A universidade atualmente conta com aproximadamente 155 mil estudantes em 20 faculdades e 3 instituições, sendo uma das 50 maiores instituições de ensino superior do mundo em número de matrículas. Entre seus ex-alunos estão três ganhadores do Prêmio Nobel.

melhores-universidades-da-africa-universidade-do-cairo

Universidade do Cairo

10. Universidade do Cabo Ocidental – África do Sul

A Universidade do Cabo Ocidental (UWC) é uma universidade pública localizada no subúrbio de Bellville, na Cidade do Cabo, e entre as instituições acadêmicas da África do Sul, é a vanguardista das mudanças históricas no país, desempenhando um papel acadêmico distinto ao ajudar a construir uma nação mais justa e dinâmica. As principais preocupações da UWC com acesso, equidade e qualidade no ensino superior surgem de um amplo envolvimento prático em ajudar os historicamente marginalizados a participarem plenamente da vida da nação.

A universidade foi fundada em 1960 pelo governo sul-africano como uma universidade somente para “pessoas de cor”. O estabelecimento da UWC foi um efeito direto da Lei de Extensão do Ensino Universitário de 1959, que criou a segregação do ensino superior na África do Sul. Nessa época, estudantes pretos só eram permitidos em universidades não-brancas, e para resolver essa “questão”, foram fundadas a Universidade do Cabo Ocidental, a Universidade de Zululand e a Universidade do Norte. Mas desde muito antes do fim do apartheid em 1994, a UWC passou a ser uma instituição integrada e multirracial. Hoje conta com cerca de 22 mil alunos (16 mil de graduação e 6 mil de pós-graduação).

melhores-universidades-da-africa-university-of-the-western-cape

A Universidade do Cabo Ocidental fecha o TOP 10 das melhores universidades da África

Menções Honrosas

  • 11. Universidade de Lagos – Nigéria
  • 12. Universidade de Addis Ababa – Etiópia
  • 13. Universidade Americana do Cairo – Egito
  • 14. Universidade de Gana – Gana
  • 15. Universidade Alemã do Cairo – Egito

Intercâmbio com a UDI

E aí, qual dessas melhores universidades da África mais te chamou atenção? Se quiser se preparar para estudar por lá ou em qualquer outro lugar do mundo, nós podemos te ajudar através da nossa mentoria especializada. Clique aqui e faça agora mesmo o seu teste de perfil!

 


Rafael Cerqueira

Rafael Cerqueira

Jornalista de 26 anos que adora viajar. Baiano que já viveu em Minas, em São Paulo, em Portugal e na Argentina. Conhece 26 países e tem o sonho de conhecer muito mais. Acredita que o mundo é grande demais e o tempo muito curto pra ficarmos parados sempre no mesmo lugar.