2020 chegando ao fim e a pergunta que muitos futuros intercambistas querem descobrir a resposta é: quando os Estados Unidos irão finalmente iniciar o processo de reabertura de fronteiras e retomada de voos internacionais?

A proibição de ingresso de estrangeiros provenientes de vários países — entre eles o Brasil — segue a mesma desde o início da pandemia e o aumento do número de casos de COVID-19 nas últimas semanas em vários lugares do mundo trouxe ainda mais incertezas.

COVID-19: Estudantes poderão remarcar viagens de intercâmbio

Mas o grande fato até agora é que ainda não há uma data definida para quando essa retomada dos voos irá ocorrer. Entretanto, essa é uma questão que vem sendo discutida pela Casa Branca, afinal o mercado de intercâmbios e a economia gerada pelos estudantes estrangeiros nas universidades americanas sofreram sérios impactos durante a pandemia.

A reabertura está próxima?

De acordo com assessores do governo americano que preferem manter sua identidade não revelada, a reabertura limitada para alguns países já é um tópico que vem sendo discutido e uma recomendação formal já foi feita para o atual presidente Donald Trump.

reabertura-fronteiras2
(Foto: Chuttersnap/Unsplash)

De acordo com essa proposta, governadores e prefeitos ficariam responsáveis por criar protocolos de quarentena e segurança para viajantes internacionais.

Nessa lista de países que estão mais próximos de uma possível flexibilização estão nações como Alemanha, Noruega, Irlanda, Suíça, França e Reino Unido, além do próprio Brasil.

Nada ainda foi confirmado e, portanto, essas informações não podem ser tomadas como definitivas. É preciso lembrar ainda que o governo americano está prestes a ser reformulado, já que o novo presidente Joe Biden toma posse em janeiro. Ou seja, o que já é incerto agora pode ser ainda mais incerto nos próximos meses.

O que é certo até agora?

O que se tem como certo até agora é que muito provavelmente Trump irá se pronunciar quanto à aprovação ou não dessa proposta até o final do seu mandato.

COVID-19: Faculdades que não estão exigindo SAT ou ACT

Também é necessário considerar todas as variáveis que envolvem o crescimento ou retração do número de casos de COVID-19 nos próximos meses. Com a vacina em fase inicial e limitada de aplicação, ainda não é 100% seguro afirmar que o número de casos irá diminuir drasticamente já no primeiro semestre de 2021.

No contexto brasileiro, o número total de casos, que vinha alternando entre declínio e estabilidade nos últimos meses, voltou a subir, e caso essa tendência se mantenha, uma possível reabertura para o nosso país nos primeiros meses de 2021 ficaria ainda mais distante da realidade.

De toda forma, o panorama atual americano, marcado por fechamento presencial de escolas e universidades e medidas de isolamento em diferentes escalas ao redor do país, permite aferir que a modalidade de intercâmbios presenciais para estudantes estrangeiros nos EUA ainda é algo que irá demorar para acontecer. 

Universidade do Intercâmbio

Se você sonha em estudar nos EUA, esse é o momento ideal para se preparar para conquistar a sua vaga por lá enquanto a reabertura das fronteiras não acontece de fato. E a boa notícia é que nós podemos te ajudar com isso através da nossa mentoria especializada. Clique aqui para fazer o seu teste de perfil e começar a fazer parte do nosso time de mentorados.


Rafael Cerqueira

Rafael Cerqueira

Jornalista de 26 anos que adora viajar. Baiano que já viveu em Minas, em São Paulo, em Portugal e na Argentina. Conhece 26 países e tem o sonho de conhecer muito mais. Acredita que o mundo é grande demais e o tempo muito curto pra ficarmos parados sempre no mesmo lugar.