Durante o nosso planejamento para fazer o intercâmbio, uma das maiores preocupações que temos é com relação a como enviar ou receber dinheiro lá fora. É normal quem vai pra estudar contar com o apoio financeiro da família que ficou no Brasil. Mas como fazer isso? Só de pensar em questões como a cotação do dólar e IOF, por exemplo, já bate um leve desespero. Isso sem falar nas taxas altíssimas cobradas pelos bancos para sacar dinheiro em caixas eletrônicos lá fora. Durante todas as semanas que antecederam minha vinda para a Rússia, eu calculei entre todas as alternativas qual seria a melhor pra mim. Por fim, minhas opções eram os cartões pré-pagos vendidos por agências e bancos, o Western Union e o TransferWise.

Qual a melhor opção?

Eu posso dizer hoje com total segurança que para quem vai ficar fora do Brasil por muito tempo, a melhor opção é, sem dúvida, o TransferWise. Além de ser uma alternativa com um aplicativo simples e prático de usar, também conta com as menores taxas do mercado. E também tem a grande vantagem de permitir envio de dinheiro usando o câmbio verdadeiro do dia da operação. Ou seja, sem cobranças e taxas escondidas.

Como usuária dessa plataforma desde 2016, posso dizer que eles possuem um sistema muito confiável e totalmente online. É possível rastrear todo o dinheiro enviado desde o Brasil até o país de destino. E, além disso, os envios podem ser feitos através de pagamento por boleto bancário ou transferência para a conta do próprio TransferWise. Hoje a plataforma opera em 45 moedas ao redor do mundo, incluindo o Euro, o Dólar, o Real e a Libra.

TransferWise: como funciona?

O primeiro passo é fazer um cadastro no TransferWise através do site ou diretamente pelo aplicativo para celular. Nesse cadastro o usuário deve fornecer todos os dados tanto de quem enviará quanto de quem receberá o dinheiro. A conta do destinatário deve ser aberta no país de destino. Após a conclusão do cadastro, o usuário receberá um email de confirmação.

Após isso já é possível começar a fazer as transferências. E sabe como a TransferWise consegue cobrar preços menores que os bancos para enviar dinheiro pro exterior? Isso acontece porque esse dinheiro nunca chega a sair de verdade do país de origem. O valor que é depositado aqui vai para a conta da empresa no Brasil. E após a transação ser confirmada, a conta da empresa no país de destino termina o processo de envio com o dinheiro já convertido para a moeda local.  Dessa forma só pagamos uma taxa. E isso acontece tanto através do pagamento por boleto quanto por transferência. O dinheiro chega em até 5 dias uteis, no máximo.

Quanto custa?

O valor dessa taxa é de 2,5% do valor total no caso de transferências do Brasil para o exterior. E para quem quer transferir dinheiro do exterior para o Brasil a taxa é  de 1,5%. Nesses dois casos o IOF já está embutido.

Essa é sem dúvida a forma mais simples e segura que encontrei para receber dinheiro desde que cheguei aqui na Rússia e isso tem facilitado e muito minha rotina por aqui. Mas agora é a sua vez de falar: você já usou essa plataforma? Se sim, deixa aqui nos comentários como foi sua experiência.

Universidade do Intercâmbio

Quer encontrar a sua oportunidade dos sonhos no exterior? Então procure o apoio da nossa mentoria especializada. Faça agora mesmo o seu teste de perfil clicando aqui e junte-se ao nosso time de mentorados!  


Rafael Cerqueira

Rafael Cerqueira

Jornalista de 26 anos que adora viajar. Baiano que já viveu em Minas, em São Paulo, em Portugal e na Argentina. Conhece 26 países e tem o sonho de conhecer muito mais. Acredita que o mundo é grande demais e o tempo muito curto pra ficarmos parados sempre no mesmo lugar.