Os alunos estrangeiros que sonham em estudar nos EUA podem encontrar poucas informações sobre auxílios financeiros para os quais eles são elegíveis nas suas universidades americanas de interesse. Mas um termo que com certeza eles sempre se deparam é o Application for Federal Student Aid, conhecido simplesmente como FAFSA.

Basicamente, o FAFSA é uma aplicação de solicitação de ajuda financeira dos governos estaduais e federal dos EUA utilizado por instituições de todo o país para determinar os valores distribuídos para cada aluno com base em suas necessidades financeiras.

Mas embora o FAFSA seja a aplicação de ajuda financeira padrão, as escolas podem ter diversos requisitos e formas de calcular a necessidade dos alunos, especialmente os estrangeiros. De fato, as instituições americanas não exigem que os alunos internacionais preencham o FAFSA, já que esse é um formulário destinado exclusivamente para cidadãos norte-americanos ou não cidadãos elegíveis, como residentes permanentes legais.

Auxílio federal x Auxílio institucional

É importante notar que embora os estudantes internacionais não sejam elegíveis para auxílios federais, eles podem ser qualificados para auxílios institucionais. E nesse aspecto, as universidades americanas não seguem um único padrão. Por isso é necessário verificar junto ao escritório de auxílio financeiro da instituição de interesse quanto à elegibilidade.

Em outras palavras, se os alunos internacionais necessitarem de ajuda financeira, eles deverão se inscrever para receber ajuda institucional e não federal, a menos que sejam não-cidadãos elegíveis. E ainda existem as instituições que não oferecem nenhum tipo de ajuda financeira internacional para alunos não-americanos, como é o caso do Boston College, por exemplo.

ISFAA e CSS Profile

Embora os procedimentos escolares variem, os futuros alunos internacionais com necessidades financeiras podem ser solicitados a preencher o International Student Financial Aid Application (ISFAA) ou o CSS Profile, ambos distribuídos pelo College Board, uma associação sem fins lucrativos composta por mais de 5700 escolas, universidades e outras organizações educacionais dos Estados Unidos. Algumas universidades também podem ter seus próprios formulários. Confira alguns exemplos:

  • Texas A&M University: ISFAA
  • Dickinson College: Cormulário de certificação de finanças da universidade + CSS Profile ou IFSAA
  • Princeton: Formulário de solicitação de auxílio financeiro da universidade (para estudantes americanos e estrangeiros)

O CSS Profile coleta informações sobre os bens, despesas e receitas de uma família. Por isso, para preenchê-lo, os estudantes e suas respectivas famílias devem traduzir todos os documentos apropriados (como por exemplo a declaração de impostos) para o inglês. Os valores são convertidos automaticamente para o dólar americano pelo sistema do CSS.

Dickinson-College-FAFSA
Dickinson College (Foto: Tom Sulcer/Wikimedia)

Nem FAFSA e nem ISFAA ou CSS Profile

Algumas instituições americanas não exigem nenhum desses formulários para estudantes estrangeiros. É o caso, por exemplo, da Universidade de Miami em Oxford (que fica em Ohio e não na Flórida rs). Por lá, todos os estrangeiros são automaticamente considerados para bolsas de mérito ao se inscrevem na instituição, sem necessidade de se aplicarem especificamente para isso.

Já na Universidade Drexel, os candidatos internacionais são automaticamente considerados para bolsas de mérito ao preencherem seu formulário de admissão, e a escola também os incentiva a preencherem o CSS Profile para serem considerados para bolsas baseadas em necessidades financeiras.

Em resumo, é certo dizer que para as escolas que oferecem ajuda financeira a estudantes internacionais, os subsídios institucionais e bolsas de estudo internas são normalmente a fonte principal desses auxílios. Algumas instituições são mais generosas que outras em relação a esses apoios, sejam eles baseados em mérito ou em necessidade financeira.

Portanto, cabe aos interessados pesquisar quais dessas universidades ao redor dos EUA oferecem as melhores bolsas. Essa pesquisa pode ser feita nas seções de ajuda financeira dos sites dessas instituições ou diretamente com o escritório de ajuda financeira responsável.

Universidade do Intercâmbio

Deu pra entender melhor agora o que é o FAFSA e por que ele não é aberto para estudantes de fora dos Estados Unidos? Também viu que existem outros formulários específicos para estrangeiros, certo? Então comece a se preparar agora para conquistar essa ajuda financeira das sua universidade americana dos sonhos. E nós podemos te ajudar com isso através da nossa mentoria especializada. Quer saber como? Então clique aqui para fazer o nosso teste de perfil e entrar para o nosso time de mentorados.


Rafael Cerqueira

Rafael Cerqueira

Jornalista de 26 anos que adora viajar. Baiano que já viveu em Minas, em São Paulo, em Portugal e na Argentina. Conhece 26 países e tem o sonho de conhecer muito mais. Acredita que o mundo é grande demais e o tempo muito curto pra ficarmos parados sempre no mesmo lugar.