Uma das partes mais legais de fazer intercâmbio é poder entrar em contato com uma cultura formada por hábitos diferentes dos nossos. Cada país tem costumes únicos, e isso não é diferente na época do Natal. Algumas tradições natalinas curiosas pra gente são bem comuns e populares em outros lugares. Ou seja, cada país tem sua forma de comemorar essa data mas, no fim das contas, a ideia por trás dessa celebração é a mesma: comemorar a paz, o amor e a união entre as famílias.

Separamos algumas tradições natalinas curiosas em alguns países do mundo pra você ter uma melhor ideia do que estamos falando. Confira!

6 tradições natalinas curiosas ao redor do planeta

Festival de Lanternas Gigantes, Filipinas

O Festival de Lanternas Gigantes (Ligligan Parul Sampernandu) é realizado todos os anos no sábado antes da véspera de Natal na cidade de San Fernando – a “Capital do Natal” das Filipinas. O festival atrai espectadores do país e do mundo todo. Onze barangays (aldeias) participam do festival e a competição é acirrada, pois todos tentam construir a lanterna mais elaborada.

Originalmente, essas lanternas eram criações simples com cerca de meio metro de diâmetro, feitas de papel de hapon (usado para fazer origamis) e iluminadas por velas. Hoje, as lanternas são feitas com uma variedade de materiais e cresceram para cerca de seis metros. Elas são iluminadas por lâmpadas elétricas que brilham em forma de caleidoscópios.

lanterna-tradições-natalinas

Lanterna do barangay Santa Lucia, vencedor em 2010 e 2011

Cabra de Gävle, Suécia

Desde 1966, todo ano uma cabra de cerca de 13 metros é construída na cidade de Gävle, na Suécia. O objetivo disso é comemorar o Yule, uma celebração pagã do norte da Europa, que acontece próxima ao Natal. Essa tradição, no entanto, levou a outro hábito: pessoas tentando incendiar a cabra. Desde 1966, ela foi incendiada com sucesso 29 vezes, sendo a mais recente em 2016.

gavle-tradições-natalinas

A cabra em 2009

Krampus, Áustria

Na tradição austríaca, o Krampus é uma espécie de “Papai Noel às avessas”. Enquanto o bom velhinho presenteia as crianças que se comportaram bem, essa figura, que parece um demônio, sai pelas ruas aterrorizando meninos e meninas malcriados(as), levando-os embora no seu saco. Seguindo a tradição, na primeira semana de dezembro alguns jovens se vestem como Krampus (especialmente na véspera do dia de São Nicolau) para assustar as crianças batendo correntes e sinos. 

krampus-tradições-natalinas

Fantasia de Krampus usada par assustar crianças

Dia das Velinhas, Colômbia

O Dia das Velinhas (Día de las Velitas) marca o início da temporada de Natal na Colômbia. Em homenagem à Virgem Maria e à Imaculada Conceição, as pessoas colocavam velas e lanternas de papel em suas janelas, varandas e jardins. A tradição cresceu e, hoje em dia, vilas e cidades inteiras são iluminadas com exibições elaboradas. Algumas das melhores demonstrações são encontrados na cidade de Quimbaya, onde os bairros competem para ver quem cria o arranjo mais impressionante.

velas-tradições-natalinas

Disposição das velas do Día de las Velitas

Iluminação do Menorá Nacional de Hanukkah, EUA

O feriado do Hanukkah é comemorado com muito entusiasmo pela comunidade judaica nos Estados Unidos. Desde 1979, um Menorá (candelabro de sete braços, um dos principais símbolos do Judaísmo) de nove metros é erguido nos terrenos da Casa Branca durantes os oito dias e as oito noites do Hanukkah. A cerimônia, em Washington, D.C., é marcada por discursos, músicas, atividades para crianças e, é claro, a iluminação da estrutura, que é feita em etapas: uma vela é acesa a cada dia da celebração.

jewish-tradições-natalinas

O Menorá em 2017.

As vassouras da noite de Natal, Noruega

Entre todas essas tradições natalinas curiosas, talvez a mais estranha seja essa da Noruega. Por lá, o hábito é esconder as vassouras da casa na noite da véspera de Natal. Esse costume surgiu séculos atrás, quando as pessoas acreditavam que bruxas e maus espíritos saíam na véspera desa data procurando vassouras para montar. Até hoje, muitas pessoas ainda escondem suas vassouras no lugar mais seguro da casa para impedir que elas sejam roubadas.

vassoura-tradições-natalinas

Não deixe sua vassoura dando sopa na Noruega: uma bruxa pode roubá-la!

E aí, qual dessas tradições natalinas curiosas você achou mais interessante? Conhece alguma outra que não apareceu na nossa lista? Conta pra gente nos comentários abaixo.

Intercâmbio com a UDI

Quer se preparar para tirar o seu intercâmbio do papel em 2020? Entre faça agora mesmo o seu tete de perfil (clicando aqui) e conheça o trabalho da nossa mentoria especializada. Nossa equipe de mentores está a postos para te ajudar a conquistar sua vaga no exterior!

Quer acompanhar todos os conteúdos do Blog? Então cadastre seu e-mail aqui para receber nossa newsletter semanal.


Lucas Almeida

Lucas Almeida

Mineiro, jornalista e mestrando em Comunicação. Entusiasta de idiomas, viagens e cibercultura. Tem o sonho de mudar o mundo, uma pauta de cada vez.

+100 aulas sobre intercâmbios por apenas 99 centavos
+100 aulas sobre intercâmbios por apenas 99 centavos