A Austrália é um destino bastante procurado, principalmente por quem tem interesse em estudar inglês. Nos últimos anos, no entanto, o país tem se tornado cada vez mais popular entre estrangeiros que desejam fazer graduação ou pós no exterior. Por isso separamos algumas informações para que você fique por dentro da Universidade de Sydney, uma das instituições mais renomadas do país.

História

A Universidade de Sydney foi a primeira instituição do tipo fundada na Austrália. Ela foi estabelecida em 1850, e está prestes a completar 170 anos. Quem teve a ideia da fundação foi um ex-aluno de Cambridge, William Wentworth. Na época, ele propôs a expansão do Sydney College, que, a propósito, viria a se tornar universidade.

Pouco depois da criação da instituição, figuras proeminentes de Sydney começaram a apoiar a instituição com doações. Entre essas doações está o equivalente a 32 milhões de dólares, cedidos por John Henry Challis em 1880, por exemplo. 

A história da Universidade de Sydney também é de vanguarda. Isso porque ainda em 1881, a instituição foi uma das primeiras do mundo a admitir mulheres como estudantes. Para você ter uma ideia, Oxford só abriu  suas portas para alunas 30 anos depois.

Por dentro da Universidade de Sydney 1Prestígio

A Universidade de Sydney é considerada a 42ª melhor do mundo pelo QS World University Rankings de 2019. Na Austrália, por outro lado, ela é considerada a melhor no quesito de empregabilidade após a formatura. Além disso, é a melhor universidade do país nas áreas de Educação, Veterinária e Arquitetura, por exemplo.

Instalações

Antes de falar sobre a composição da universidade em si, é importante deixar claro o quanto a Universidade de Sydney é bonita. Tanto que ela foi incluída entre as dez universidades mais bonitas do mundo pelos jornais britânicos Daily Telegraph e The Huffington Post.

O campus principal da universidade fica em Camperdown e Darilington, nos subúrbio da Grande Sydney. A área total desse campus é de cerca de 72 hectares preenchidos com bibliotecas, galerias de arte, museus, pátios e prédios com salas de aula.

Uma dessas construções é a principal biblioteca da instituição, a Fisher Library. Ela é considerada a maior biblioteca do hemisfério sul! Além do campus principal, a Universidade de Sydney conta ainda com mais quatro campi e outras instalações, espalhados por Sydney e por todo o estado de Nova Gales do Sul.

Organização

A Universidade de Sydney é divida em faculdades e escolas, em um sistema parecido com o de Harvard. Nos cursos oferecidos por essas repartições estudam cerca de 70 mil alunos. Em resumo, as faculdades e escolas da universidade são:

  • Faculdade de Artes e Ciências Sociais
  • Faculdade de Negócios
  • Faculdade de Engenharia
  • Faculdade de Ciências da Saúde
  • Faculdade de Medicina e Saúde
  • Faculdade de Ciências
  • Escola de Arquitetura, Design e Planejamento
  • Escola de Direito
  • Escola de Música

Curtiu saber mais e ficar por dentro da Universidade de Sydney? Nossa mentoria especializada pode te ajudar a planejar seu intercâmbio e conquistar sua oportunidade fora do Brasil. Faça agora mesmo o seu teste de perfil clicando aqui e junte-se ao nosso time de mentorados!  


Matheus Tomoto

Matheus Tomoto

Estudou em escola pública, aprendeu inglês sozinho em 3 meses, foi aceito nas 10 melhores faculdades dos Estados Unidos, trabalhou no MIT (melhor faculdade de tecnologia do mundo), é embaixador da Youth Assembly no Brasil, recebeu proposta da NASA e é ex-fellow de HARVARD. É escritor, palestrante e mentor de pessoas que desejam buscar sua oportunidade no exterior.