Viver no Velho Continente é um sonho de milhares de estudantes e profissionais brasileiros que desejam ter uma experiência no exterior. Mas a Europa é formada por diversos países diferentes, alguns bem conhecidos da gente e outros nem tanto. Muitos deles sequer utilizam o euro como moeda oficial, o que com toda certeza também influencia no custo de vida geral. Mas você já parou pra prensar quais são as cidades mais caras e mais baratas da Europa para estrangeiros?

cidades-mais-caras-e-mais-baratas-da-europa-zurique

Segundo a pesquisa da Mercer, Zurique é a cidade mais cara da Europa para estrangeiros

Essa pergunta foi respondida pela pesquisa anual feita pela Mercer, uma empresa americana de consultoria de recursos humanos. Para chegar na resposta, essa pesquisa leva em conta  diversos fatores como os preços médios dos serviços e produtos, a inflação de custos de bens e serviços, flutuações cambiais e instabilidade dos preços das acomodações. Vale lembrar ainda, que esse estudo foi feito levando em consideração apenas capitais e grandes cidades.

A líder mundial entre as cidades mais caras do mundo para estrangeiros é Hong Kong, seguida por Asgabate, no Turcomenistão, e Tóquio, no Japão. Surpreendentemente, entre as cidades que completam o TOP 20 das mais caras, apenas 4 estão na Europa. Para te ajudar a visualizar melhor esse ranking, fizemos dois gráficos com as 15 cidades mais caras e as 15 cidades mais baratas do continente europeu. Garanto que com algumas delas você irá se surpreender e outras você provavelmente ainda nem deve conhecer. Vamos lá?

As cidades mais caras e mais baratas da Europa para estrangeiros

As mais caras

cidades-mais-caras-e-mai-baratas-da-Europa

Segundo a pesquisa da Mercer, a Suíça é a líder disparada entre as cidades mais caras para estrangeiros na Europa, tanto que Zurique, Berna e Genebra, ao lado de Londres, capital do Reino Unido, são as únicas cidades europeias a aparecer no TOP 20 mundial. Rússia e Itália marcam presença com duas cidades entre as 15 mais caras.

Os outros países que contam com um representante no ranking são Alemanha, Áustria, Dinamarca, Finlândia, França, Holanda e Irlanda.

As mais baratas

cidades-mais-caras-e-mai-baratas-da-Europa

Quantas desses lugares entre os mais baratos da Europa você conhece? Eu aposto que poucos, não é? Isso porque a maior parte dessas cidades fica bem longe dos países europeus mais conhecidos aqui no Brasil. Excluindo Leipzig, na Alemanha, todas as outras cidades no TOP 15 ficam na porção leste do continente e algumas delas, inclusive, estão localizadas já na interseção do velho continente com a Ásia.

Com exceção de Limassol (a segunda maior cidade do Chipre), Istambul (a maior cidade da Turquia) e da própria Leipzig, todas as outras cidades da lista são as capitais dos seus respectivos países. Confira:

  • Tbilisi é a capital da Geórgia
  • Skopje é a capital da Macedônia do Norte
  • Sarajevo é a capital da Bósnia e Herzegovina
  • Minsk é a capital da Bielorrússia
  • Ierevan é a capital da Armênia
  • Belgrado é a capital da Sérvia
  • Bucareste é a capital da Romênia
  • Baku é a capital do Azerbaijão
  • Budapeste é a capital da Hungria
  • Varsóvia é a capital da Polônia
  • Tirana é a capital da Albânia
  • Vilnius é a capital da Lituânia
cidades-mais-caras-e-mais-baratas-da-europa-tbilisi

Tbilisi é cidade mais barata da Europa para estrangeiros, de acordo com a Mercer

Quais são as melhores universidades nessas cidades?

Ficou com vontade de estudar em alguma dessas cidades? Então para te ajudar a tomar sua decisão, também separamos a melhor universidade de cada uma delas de acordo com o QS World University Rankings 2020. Confira abaixo:

Cidade Melhor universidade Posição no ranking mundial da QS
Helsinque Universidade de Helsinque 107º
Munique Universidade Técnica de Munique 55º
Roma Universidade de Roma “La Sapienza” 203º
Amsterdam Universidade de Amsterdam 64º
São Petersburgo Universidade Estatal de São Petersburgo 234º
Viena Universdiade de Viena 154º
Paris Université PSL 53º
Milão Politécnico de Milão 149º
Dublin Trinity College Dublin 108º
Copenhague Universidade de Copenhague 81º
Moscou Universidade Estatal de Moscou 84º
Londres University College London (UCL)
Genebra Universidade de Genebra 110º
Berna Universidade de Berna 123º
Zurique Instituto Federal de Tecnologia de Zurique (ETH)
Tbilisi Universidade Estatal de Tbilisi  – *
Skopje Universidade de São Cirilo e Metódio de Skopje  –
Sarajevo Universidade de Sarajevo  –
Minsk Universidade Estadual da Bielorrússia 351º
Ierevan Universidade Estadual de Ierevan  –
Belgrado Universidade de Belgrado 801-1000
Bucareste Universidade de Bucareste 801-1000
Baku Universidade Estatal de Baku 801-1000
Budapeste Universidade Eötvös Loránd (ELTE) 651-700
Varsóvia Universidade de Varsóvia 349º
Limassol Instituto de Tecnologia do Chipre  –
Tirana Universidade de Tirana  –
Leipzig Universidade de Leipzig 531-540
Vilnius Universidade de Vilnius 458º
Istambul Universidade Koç 451º

(*) As universidades classificadas com “–” na lista acima não aparecem no ranking da QS

Universidade do Intercâmbio

Agora você já sabe quais são as cidades mais caras e mais baratas da Europa para estrangeiros. Em qual dela você sonha em fazer o seu intercâmbio? Independentemente da sua resposta, o grande segredo para conquistar a sua vaga é começar a se preparar o quanto antes, e nós podemos te ajudar através da nossa mentoria especializada e todo o nosso time de mentores. Faça agora mesmo o seu teste de perfil clicando aqui.


Rafael Cerqueira

Rafael Cerqueira

Jornalista de 26 anos que adora viajar. Baiano que já viveu em Minas, em São Paulo, em Portugal e na Argentina. Conhece 26 países e tem o sonho de conhecer muito mais. Acredita que o mundo é grande demais e o tempo muito curto pra ficarmos parados sempre no mesmo lugar.