O que é STEM? Se você sonha em estudar nos Estados Unidos, provavelmente já deve ter se deparado com essa pergunta nas suas pesquisas. STEM nada mais que é que uma sigla para Science, Technology, Engineering and Mathematics (Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática). Mais precisamente, esse termo se refere a um currículo baseado na ideia de educar estudantes nessas quatro áreas em uma abordagem interdisciplinar e aplicada. Ou seja, no lugar de ensinar essas quatro disciplinas separadamente, o STEM as integra em um paradigma de aprendizado coeso, baseado em aplicações no mundo real.

Qual é a importância do STEM?

O mercado global tem um déficit muito grande de profissionais STEM, o que coloca as carreiras ligadas a esses campos como prioritárias e super valorizadas.  Só para exemplificar, o número de trabalhadores necessários para suprir a demanda das empresas nos Estados Unidos nessas áreas chega a 600 mil! No Reino Unido são 100 mil e na Alemanha, 210 mil.

O-que-é-STEM

Atualmente, o maior número de vagas STEM disponíveis a nível mundial se concentra nas áreas de Computação, Engenharias, Ciências Físicas, Ciências da Vida e Matemática.

Nem todos os empregos STEM exigem ensino superior e um diploma universitário. Aliás, menos da metade dos empregos de nível básico nessas áreas requer um diploma de graduação ou pós. No entanto, um diploma de quatro anos é incrivelmente útil em relação ao salário, que aumenta consideravelmente.

O que é STEM: quais são os diferenciais?

Para assimilar melhor o que é STEM, é fundamental entender que o que separa esse currículo da educação tradicional em Ciências e Matemática é o ambiente de aprendizado combinado e a possibilidade de mostrar para os alunos como o método científico pode ser aplicado à vida cotidiana.

Nos Estados Unidos, o incentivo ao ensino STEM começa desde muito cedo, ainda na escola, e se intensifica no ensino superior. Entenda como funciona:

  • Escola Primária

A educação STEM se concentra no nível introdutório e na conscientização dos campos e ocupações STEM. Esta etapa inicial fornece aprendizado estruturado baseado em padrões e em questões do mundo real, conectando todas as quatro áreas STEM.

O objetivo de começar o incentivo a essas disciplinas tão cedo é despertar o interesse dos alunos por afinidade e não por necessidade ou sentido de obrigação. Por isso há uma ênfase na ponte de oportunidades que a educação STEM criar entre a escola e o mundo fora dela.

  • Ensino Médio

Nesta fase, os cursos se tornam mais rigorosos e desafiadores. Ainda é buscada a conscientização dos estudantes sobre os campos e profissões STEM, bem como os requisitos acadêmicos dessas áreas. A exploração por parte dos estudantes das carreiras relacionadas com STEM começa nesse nível.

O programa de estudo concentra-se na aplicação das disciplinas de maneira desafiadora e rigorosa, já visando uma preparação para a faculdade e para o mercado de trabalho. Por conta disso, é dada uma ênfase maior ao número de oportunidades que podem surgir a partir da identificação do estudante com as essas áreas do STEM.

O-que-é-stem

E aí, gostou de finalmente saber o que é STEM? Então se liga porque estamos sempre publicando textos interessantes aqui no Blog. E mais: cadastre seu e-mail aqui e receba nossa newsletter semanal.

Você sonha em estudar e seguir uma carreira STEM no exterior? Então a preparação pra isso deve começar desde já! Anossa mentoria especializada pode te ajudar com isso. Clique aqui e faça agora mesmo seu teste de perfil!

Já que agora você sabe o que é STEM, aproveita e dá uma olhada em algumas universidades que se destacam nessas áreas:


Rafael Cerqueira

Rafael Cerqueira

Jornalista de 26 anos que adora viajar. Baiano que já viveu em Minas, em São Paulo, em Portugal e na Argentina. Conhece 26 países e tem o sonho de conhecer muito mais. Acredita que o mundo é grande demais e o tempo muito curto pra ficarmos parados sempre no mesmo lugar.