Você já parou pra pensar quais são as cidades mais baratas para morar na Alemanha? Em comparação a outros países da Europa, o custo de vida por lá é relativamente acessível, mesmo em tempos de Euro lá nas alturas. Mas para você, como estudante, cada centavo é importante e querer economizar o máximo possível é perfeitamente normal. E nem precisa falar que o lugar que você decidir morar no seu país de destino irá influenciar bastante nos seus gastos. Portanto, a escolha da sua cidade de destino deve ser uma prioridade na sua estratégia financeira.

Por exemplo, se você optar por morar em Munique, uma das cidades mais caras da Alemanha, dificilmente economizará dinheiro e o seu custo de vida será alto, não importa o quanto você tente manter o controle sobre ele. Você é um estudante ou um profissional que sonha em viver na terra da cerveja, dos chucrutes e dos pretzels? Então se liga que esse texto é pra você! Montamos uma lista com as cidades mais baratas para morar na Alemanha analisando os seguintes fatores: aluguel, alimentação, transporte e serviços públicos. Agora, sem mais enrolação, vamos ao resultado!

Bielefeld

A cidade de Bielefield está localizada na região nordeste do estado da Renânia do Norte-Vestfália, que é o maior em população de toda a Alemanha. A cidade tem cerca de 350 mil habitantes e oferece um custo de vida bem acessível em comparação a outras cidades do mesmo porte no país. O aluguel por lá será a sua maior preocupação financeira, mas nada que vai te dar dores de cabeça.  Um apartamento de um quarto no centro custa em média €460 mas, com sorte, é possível encontrar algo na casa dos €400 mensais. Já em bairros mais afastados do centro, é possível encontrar apartamentos entre €200 e €450.

5 cidades mais baratas para morar na Alemanha 1

Em Bielefeld, existem muitos bons restaurantes onde você pode fazer uma refeição a um preço acessível. Em média, uma refeição para uma única pessoa em um restaurante barato custa 10 euros. Já uma jantar para duas pessoas em um restaurante mediano beira os €50. Se tiver vontade de tomar uma cerva ou um cappuccino em algum bar ou cafeteria, espere gastar €3,50 e €2,70, respectivamente.

Principais universidades na cidade: Bielefeld University e Bielefeld University of Applied Sciences

Frankfurt an der Oder

Não confundir com Frankfurt am Main, o centro financeiro do país! A cidade de Frankfurt an der Oder fica às margens do rio Oder e está localizada na Alemanha Oriental, perto da fronteira com a Polônia. De acordo com os registros demográficos mais atualizados, cerca de 60 mil pessoas vivem por lá.

Alugar um apartamento de um quarto no centro de Frankfurt (Oder) também custa em média €460 por mês, enquanto nas áreas periféricas esse valor desse para €325 em média. Já o aluguel de um apartamento de três quartos também no centro custa em média €1250. Outros bairros na periferia de Frankfurt (Oder) oferecem vários apartamentos de três quartos por um custo que varia de €400 a €1400. Fazendo uma comparação com Berlim, por exemplo, os custos com aluguel são cerca de 40% mais baratos na pequena Frankfurt.

cidades-mais-baratas-para-morar-na-Alemanha-frankfurt-oder

Já os serviços públicos na cidade irão comprometer cerca de €400 do seu orçamento, se você não for muito adepto da economia. Já se você conseguir colocar o freio no uso de eletricidade e água, por exemplo, essas contas podem baixar para pouco mais de €200.

Um grande destaque da economia de Frankfurt (Oder) são os seus restaurantes baratos, nos quais é possível fazer uma boa refeição com €8. Já uma cerveja alemã custa em média €3,10, enquanto uma cerveja importada cerca de €2,85. Sim, a importada é mais barata rs.

Principais universidades na cidade: Viadrina European University

Halle

Localizada na parte central da Alemanha, no estado de Saxônia-Anhalt, Halle fica a 150 km de Berlim e abriga cerca de 240 mil habitantes. Conhecida dentro da Alemanha por sua arquitetura renascentista, Halle é ainda mais barata que as outras duas cidades já apresentadas. Um apartamento de um quarto vai te custar cerca de €350 no centro e €200 em bairros mais afastados. Já um apartamento de três quartos fica em torno de €710 no centro e €470 na periferia. As contas de serviços públicos variam entre €85 e €340. Dito isso, você terá que pagar, em média, €195 por serviços mensais.

cidades-mais-baratas-para-morar-na-Alemanha-Halle

Como se não bastasse ser uma das cidades mais baratas para morar na Alemanha, Halle é um lugar encantador!

Por todo o lado, há muitos bons restaurantes onde você pode saborear uma refeição deliciosa a um preço razoável. Se você decidir almoçar ou jantar sozinho em um restaurante barato, pagará em média 10€. Além disso, você pode beber uma xícara de cappuccino por €2,70 em média ou uma garrafa de cerveja por €3,50.

Principais universidades na cidade:Martin Luther University of Halle-Wittenberg (MLU)

Krefeld

Krefeld é uma cidade no estado da Renânia do Norte-Vestfália, perto da cidade de Dusseldorf. Com base em alguns registros demográficos aproximados, Krefeld tem uma população de 230 mil habitantes.

Se você alugar um quarto no centro da cidade, espere desembolsar €450 por mês, em média. A diferença em relação às áreas mais periféricas não é tão grande: nos bairros mais afastados a média fica em torno de €400. Se você precisar de mais espaço e quiser alugar um apartamento maior, prepare-se para pagar mais. O custo médio do aluguel de um apartamento de três quartos no centro de Krefeld é de cerca de €760, variando entre € 400 e €1100. Já o custo médio com serviços públicos fica em torno de €170 euros.

cidades-mais-baratas-para-morar-na-Alemanha-Krefeld

Principais universidades na cidade: Hochschule Niederrhein University of Applied Sciences

Passau

Passau é uma pequena cidade universitária com pouco mais de 50 mil habitantes localizada no sul da Alemanha, no estado da Baviera, perto da fronteira com a Áustria. É frequentemente chamada de “A cidade dos Três Rios” porque por lá passam os risos Danúbio, Inn e Ilz. Em Passau, aluguel, comida e serviços públicos têm um preço relativamente pequeno em comparação com a maioria das grandes cidades da Alemanha.

Você pode encontrar um apartamento de um quarto no centro por cerca de €600 em média. Já nos outros bairros esse valor cai para €340, uma diferença considerável! O aluguel médio mensal para apartamentos de três quartos é maior: €1050 no centro e €700 em áreas periféricas.

5 cidades mais baratas para morar na Alemanha 2

Além de ser uma das cidades mais baratas para morar na Alemanha, Passau é conhecida como uma cidade universitária cheia de estudantes estrangeiros.

O custo dos serviços públicos nesta parte da Alemanha é muito baixo. Em Passau, você pagará em média €75 pelos gastos mensais com serviços públicos. Se você gosta de comer fora, seu bolsa também ficará feliz. O custo de uma refeição para uma pessoa em um restaurante barato gira em torno dos €7. Uma boa cerveja alemã custa em média €2,80; uma garrafa de água de 300 ml, €1,25 e um cappuccino, €2,20.

Principais universidades na cidade: University of Passau e Athanor Academy of Performing Arts Passau

Qual dessas 5 cidades mais baratas para morar na Alemanha mais te chamou atenção?

Para entender melhor a diferença de preço entre elas confira esse quadro comparativo:

Bielefeld

Frankfurt (Oder)

 

Halle

 

Krefeld

Passau

Apartamento de 1 quarto (Centro) €466 €466 €355 €450 €600
Apartamento de 1 quarto (Periferia) €400 €327 €305 €400 €340
Serviços Públicos €200 €410 €195 €170 €76
Passagem – Transporte Local €2,70 €1,70 €2,30 €2,70 €2
Tarifa de Táxi (1 km) €2 €6 €2 €2 €4
Refeição para uma pessoa em restaurante €10 €8 €10 €10 €7
Mensalidade – Academia €30 €25 €27 €26

€23

Intercâmbio com a UDI

Seja qual for a sua escolha entre essas cidades para morar na Alemanha, o grande segredo para consegue uma oportunidade no país, seja acadêmica ou profissional, é se preparar com antecedência. E com isso nós podemos te ajudar através da nossa mentoria especializada. Faça agora mesmo o seu teste de perfil clicando aqui.

 


Rafael Cerqueira

Rafael Cerqueira

Jornalista de 26 anos que adora viajar. Baiano que já viveu em Minas, em São Paulo, em Portugal e na Argentina. Conhece 26 países e tem o sonho de conhecer muito mais. Acredita que o mundo é grande demais e o tempo muito curto pra ficarmos parados sempre no mesmo lugar.