Ao lado do SAT, o ACT é uma das principais provas que devem ser feitas para se poder entrar em uma universidade dos Estados Unidos. Ela funciona de forma parecida com o ENEM. Dessa forma, assim como na prova brasileira, você precisa se preparar para o ACT. Mas como fazer isso? Para te ajudar, listamos 6 passos com dicas para você fazer sua preparação e tirar uma boa nota no teste:

Como me preparar para o ACT?

1. Entenda a estrutura da prova

A prova do ACT consiste em quatro seções de múltipla escolha: Inglês, LeituraMatemática e Ciências, cada uma com 36 pontos. A média arredondada da pontuação dessas quatro seções se torna sua nota final. Há também uma seção de redação, que é opcional, com pontuação de 12 pontos. No entanto, ela não é contabilizada na sua pontuação final.

Confira a ordem, o número de perguntas, o tempo e o formato das questões para cada seção do ACT:

3-preparar-para-o-act

Dessa forma, a prova tem um total de 216 questões, divididas em 2 horas e 55 minutos, sem a redação, ou 3 horas e 35 minutos com a redação.

2. Identifique seus pontos fracos

4-preparar-para-o-act

Agora que você já sabe como o ACT funciona, pode estabelecer uma linha de base das suas próprias habilidades. Nesse caso, a parte mais importante é identificar suas fraquezas, para que você possa focar nelas quando for se preparar para o ACT.

Para isso, você pode fazer os testes cronometrados de treino do exame, que estão disponíveis de forma gratuita na internet, tanto online quanto em formato PDF. Procure um lugar silencioso, pegue um lápis número 2 e um modelo de calculadora que é liberado para utilização no teste. Dessa forma, você vai criar um ambiente o mais parecido possível com o teste real. 

Depois de fazer o teste prático, use as diretrizes de pontuação fornecidas no final do folheto para descobrir a sua nota. As seções em que você tiver uma pontuação maior ou menor, é claro, vão te mostrar em quais pontos você é mais forte ou mais fraco(a). Além disso, examine suas respostas incorretas para identificar padrões de erros. Com essas informações em mãos, você vai poder delimitar um ponto de partida de quais temas deve estudar com mais afinco.

3. Defina uma pontuação desejada

Depois de ter noção das suas habilidades, defina uma pontuação desejada para o quanto você deseja melhorar. Sua pontuação-alvo deve ser razoável em relação ao período de tempo que tem para se preparar para o ACT. Por exemplo, uma melhoria de 1 a 2 pontos em um mês é totalmente razoável. Já uma melhoria de 6 pontos nesse período não é muito palpável. Além disso, sua pontuação-alvo deve refletir o nível das universidades que você tem interesse.

Você pode seguir essas estimativas para definir quantas horas deve estudar para melhorar sua pontuação:

  • 0 a 1 pontos: 10 horas
  • 1 a 2 pontos: 20 horas
  • 2 a 4 pontos: 40 horas
  • 4 a 6 pontos: 80 horas
  • 6 a 9 pontos: 150+ horas

4. Crie um cronograma de estudos

5-preparar-para-o-act

O próximo passo para se preparar para o ACT é criar um cronograma de estudos. Nesse caso, é melhor separar um número regular de horas durante a semana para estudar, de forma que você não fique sobrecarregado(a) próximo ao teste. Portanto, para determinar quanto tempo você deve separar, divida o número total de horas que você acha que precisa para estudar pelo número de semanas até o teste. Por exemplo, se você precisar estudar 80 horas e houver 12 semanas até o teste, tente estudar cerca de 6 horas e 40 minutos por semana.

5. Aprenda o conteúdo essencial

Depois de ter uma meta e um cronograma, é hora de aprender o conteúdo! Quando falamos de “conteúdo” nos referimos ao conhecimento necessário para responder às perguntas do ACT. Dessa forma, isso inclui aprender gramática e ortografia do Inglês, aprimorar os conhecimentos de Matemática, revisar como escrever uma hipótese para a seção de Ciências e assim por diante.

Nesse caso, você deve aprender todo o conteúdo que ainda não conhece e revisar o que já sabe. Não há problema algum em dedicar grande parte do seu tempo à preparação para a seção de Matemática, se essa for a sua área mais fraca. Mas você ainda deve se dedicar um pouco à seção de Inglês, mesmo que esse seja o seu ponto forte.

6. Se prepare para o dia da prova

2-preparar-para-o-act

Não adianta nada separar semanas para se preparar para o ACT se chegar o dia da prova e você não se sentir bem. Portanto, durma bastante na noite anterior, tome um café da manhã reforçado e equilibrado, repleto de proteínas, e coloque um lápis (ou mais) e uma calculadora em sua mochila!

Intercâmbio com a UDI

Se você quiser uma ajuda personalizada para se preparar para o ACT e conquistar um oportunidade internacional, você pode contar com o suporte da nossa mentoria especializada, 100% online. Faça agora mesmo o seu teste de perfil clicando aqui.

Quer acompanhar todos os nossos conteúdos? Cadastre seu e-mail aqui para receber nossa newsletter semanal.


Lucas Almeida

Lucas Almeida

Mineiro, jornalista e mestrando em Comunicação. Entusiasta de idiomas, viagens e cibercultura. Tem o sonho de mudar o mundo, uma pauta de cada vez.