Conheça as profissões mais em alta para imigrar para o Canadá.

O Canadá é um país conhecido por estar sempre de braços abertos para receber imigrantes legais, seja para fins educacionais ou de trabalho. E com um número cada vez maior de idosos na população local, de fato há uma escassez de mão-de-obra qualificada por lá.

A boa notícia é que o governo canadense tenta resolver esse problema facilitando os processos migratórios de profissionais estrangeiros. Mas existem algumas áreas que têm mais demanda dentro da realidade do país, e isso reflete não apenas no número de ofertas de trabalho como também na remuneração. Por isso trouxemos essa lista com as melhores profissões para imigrar para o Canadá. Confira!

Quais são as áreas com mais empregos no Canadá?

Antes de falar individualmente das melhores profissões para imigrar para o Canadá, é importante destacar quais são as áreas com mais demanda por lá.

Os setores de Saúde, Tecnologia e Serviço Social geraram 30 mil novos empregos no país apenas em setembro de 2019, data do último levantamento. E não é muito difícil imaginar o porquê: saúde e qualidade de vida são duas grandes prioridades no Canadá!

Qual são as melhores cidades para morar no Canadá?

Já quando falamos do setor de Tecnologia, nem precisa lembrar que o Canadá é um do países mais desenvolvidos do mundo na área.

O que é necessário para trabalhar no Canadá?

Os trabalhadores estrangeiros qualificados para trabalhar no Canadá são escolhidos majoritariamente com base nos seguintes critérios:

  1. Prova de que possuem fundos adequados de sustento individual e/ou familiar após a chegada no país;;
  2. Posse de um diploma de graduação na área de interesse;
  3. Experiência profissional mínima de 1 ano em período integral no país de origem;
  4. Atender os requisitos mínimos de proficiência em um dos idiomas oficiais do país (inglês ou francês)

Você acha que se encaixa ou tem condições de atender a esses requisitos em um futuro próximo? Então confira agora a lista com as melhores profissões para imigrar para o Canadá.

17 melhores profissões para imigrar para o Canadá

1. Enfermeiros

Os serviços dos profissionais de enfermagem sempre teve alta demanda no país. E ajuda muito nisso o fato de que a população canadense está envelhecendo rapidamente, o que exige um maior número de profissionais da área.

A melhor parte é que esse é um serviço demandado em todas as regiões do país, o que aumenta ainda mais as chances de contratação.

7 melhores escolas de Enfermagem do Canadá

Para atuar como enfermeira ou enfermeiro no Canadá é necessário fazer alguns cursos de qualificação regionais, mesmo que você já tenha um diploma registrado no seu país de origem. Também é fundamental se registrar em um órgão regulador da província onde o seu trabalho for executado. O salário médio por hora é de 36 dólares canadenses.

melhores-profissões-para-imigrar-para-o-Canadá-enfermagem A Enfermagem está na lista das melhores profissões para imigrar para o Canadá

2. Dentistas

Para se qualificar como dentista no Canadá também é necessário obter uma licença de algum órgão regulador provincial ou nacional. A transição para a prática odontológica especializada também requer treinamento adicional. Ou seja, se você for dentista no Brasil e tiver interesse em atuar em uma área específica da Odontologia no país, provavelmente deverá fazer cursos complementares. O salário médio de um dentista no Canadá é de cerca de 77 mil dólares canadenses por ano.

3. Farmacêuticos

Mais uma profissão da área da saúde. No Canadá, apenas os farmacêuticos podem prescrever certos medicamentos e renovar prescrições, por isso eles também são requisitados em todo o território nacional, especialmente nas áreas de maior concentração populacional. O salário médio por hora desses profissionais é de 47 dólares canadenses.

4. Fonoaudiólogos

Os fonoaudiólogos ajudam as pessoas com perda auditiva ou distúrbios da comunicação no caminho da recuperação e da expressão de si mesmas. Esses profissionais qualificados podem trabalhar em hospitais, centros de reabilitação ou em consultórios particulares.

Algumas das funções desse grupo incluem a realização de diagnósticos, programas de reabilitação para pacientes e o envolvimento em pesquisas relacionadas  à perda auditiva e distúrbios da fala.

Para se qualificar como fonoaudiólogo no país, você precisará de um mestrado em Audiologia ou Fonoaudiologia. Também é esperado que você se registre na Associação Canadense de Fonoaudiólogos e em outros órgãos reguladores, dependendo da província em que for trabalhar. O salário médio por hora para essa categoria é de 45 dólares canadenses.

5. Engenheiros de Software, Programadores e Designers

Agora vamos sair do campo da saúde e ir paro o mundo da tecnologia. O crescimento do Canadá nos setores de web, telecomunicações e tecnologia móvel aumentou a demanda por mais engenheiros de software, programadores e designers no país.

Para se qualificar para esses trabalhos de tecnologia, geralmente é necessário um diploma de bacharel em Ciência da Computação ou áreas afins. Embora essas profissões sejam frequentemente autodidatas, a experiência, a habilidade e a criatividade são os fatores distintivos aqui. E os profissionais que tiverem cursos de pós-graduação na área saem na frente na disputa. O salário médio por hora é de 44 dólares canadenses.

6. Engenheiros

As carreiras especializadas em Engenharia estão sempre no topo da lista “Eligible Federal Skilled Worker Occupations”. Algumas das especializações da Engenharia com maior demanda no país são:

  • Engenharia Química
  • Engenharia Civil
  • Engenharia de Minas
  • Geologia de Engenharia
  • Engenharia de Petróleo

Para se qualificar como um engenheiro atuante no Canadá, é necessário ter pelo menos um diploma de bacharel. Mas, dependendo da posição, pode ser necessário um mestrado ou doutorado. Além disso, ter de 3 a 4 anos de trabalho supervisionado e aprovação em um exame prático são uma vantagem adicional. O salário médio por hora é de 40 dólares canadenses.

7. Técnicos e Mecânicos Industriais

Técnicos e mecânicos industriais são posições com alta demanda em todo o Canadá. Não há no país profissionais técnicos qualificados o suficiente para compensar o número crescente de aposentados.

Também vale mencionar que a maioria dos estudantes canadenses acaba escolhendo carreiras que exigem o diploma de graduação, e não apenas a formação técnica. A mecânica industrial especializada também é particularmente necessária, especialmente no setor de manufatura.

A certificação exigida para trabalhar como técnico profissional no Canadá varia de província para província. Geralmente é necessário aprendizado ou treinamento profissional e, em alguns casos, certificação comercial. O salário por hora varia entre 19 e 50 dólares canadenses, dependendo da região do país, do porte da empresa contratante e das habilidades técnicas e experiência do profissional.

melhores-profissões-para-imigrar-para-o-Canadá-técnicos Cerreiras técnicas também estão entre as melhores profissões para imigrar para o Canadá

8. Cientistas de Dados e Estatísticos

Diariamente, o nosso uso da internet e de dispositivos móveis está culminando em quantidades exponencialmente crescentes de dados. Como consequência disso, a demanda por pessoas que possam interpretá-los também está aumentando proporcionalmente.

Cientistas de dados e estatísticos são treinados para usar técnicas matemáticas com o objetivo de construir modelos que resolvem problemas e preveem o comportamento e os resultados dos consumidores/usuários.

Como tirar o visto de estudante do Canadá?

Para se encaixar nessa função, você provavelmente precisará de um diploma de graduação em Matemática ou Estatística e conhecimentos de outras ferramentas de Ciência de Dados. A média de salário para profissionais dessa área no Canadá fica na casa dos 45 dólares canadenses por hora.

9. Pilotos e Instrutores de Voo

Os pilotos não se limitam apenas a voos comerciais e militares. Eles também podem estar envolvidos no transporte aéreo, pulverização de culturas e aerofotogrametria, entre outros ramos. Os engenheiros de voo são os que realizam inspeções pré-voo, manutenção de sistemas e equipamentos. Já os instrutores de voo treinam novos pilotos ou os preparam para exames de licença.

Para atuar nessa área não é necessário ter formação superior, apenas o Ensino Médio. No entanto, é obrigatório ter certificados de escolas de aviação reconhecidas. Note que aeronaves diferentes requerem licenças diferentes para os pilotos.

Os engenheiros de voo, por sua vez, também precisarão da licença de engenheiro de voo emitida pelas autoridades do Canadá. O salário médio por hora para pilotos, instrutores e engenheiros de voos varia entre 45 e 60 dólares canadenses.

10. Profissionais de Marketing, Business e Relações Públicas

O método de fazer negócios está mudando gradualmente com a onda de transformação digital que está se espalhando pelo mundo. Por isso, organizações e empresas estão em busca de profissionais de marketing, gerentes de relações públicas e executivos de desenvolvimento de negócios que sejam experientes nessa área. Nesta função, você será um rosto ou representante da imagem pública de uma marca ou organização.

As responsabilidades desses profissionais incluem planejamento e execução de campanhas publicitárias (online e offline), realização e análise de pesquisas de mercado, aquisição de clientes e manutenção de relacionamentos com clientes e mídia, entre outras coisas.

Para atuar na área, ter um diploma universitário em Comunicação, Relações Públicas, Marketing ou Jornalismo é um requisito obrigatório. Como uma vantagem adicional, você também precisará de alguns anos de experiência em vendas, marketing, relações públicas, administração de empresas, comércio ou economia. O salário médio anual para gerentes de marketing, business e relações públicas é de 83 mil dólares canadenses.

11. Motoristas de Caminhão

O Canadá é um país que tem um território gigantesco e um grande número de estradas e rodovias. Por conta disso, sua economia  é altamente dependente de motoristas de caminhão para o transporte de cargas e mercadorias, mas o país não conta com profissionais suficientes para preencher a lacuna dos trabalhadores da área que estão se aposentando.

Vale lembrar que quase metade dos caminhoneiros do país têm entre 46 e 65 anos, o que significa que esse cenário não irá mudar nos próximos anos. A média de salário para profissionais dessa área no Canadá fica na casa dos 21.67 dólares canadenses por hora.

12. Professores Universitários ou Técnicos

Outra área com bastante demanda e previsão de crescimento para os próximos anos é a do ensino superior e técnico, também graça, em grande parte, ao alto número de aposentadorias de profissionais da área.

Estima-se que até 2026 o país poderá absorver cerca de 3500 professores, mas esse número pode ser ainda maior considerando que novas universidades e institutos técnicos podem surgir até lá.

Os profissionais dessa área podem atuar tanto na rede pública, quanto na rede privada de ensino. Mas é preciso notar que os requisitos de educação e experiência para ser um professor no Canadá variam muito, dependendo do ambiente de trabalho.

Uma instituição com foco acadêmico provavelmente exigirá que o profissional tenha um diploma de mestrado, ao passo que uma instituição com foco técnico pode aceitar um diploma de graduação, desde que o candidato tenha uma experiência ampla e relevante no setor em que pretende ensinar. O salário médio para essa categoria gira em torno de 38 dólares canadenses por hora.

13. Soldadores

A soldagem é um dos empregos com alta demanda por conta do grande número de novas vagas que surgem em diferentes indústrias do país. A força de trabalho no setor é formada por profissionais mais jovens e, devido aos avanços contínuos no setor de manufatura, os soldadores com habilidades técnicas mais avançadas provavelmente terão melhores oportunidades de trabalho do que aqueles com habilidades básicas. A média salarial de um soldador no Canadá é de 25 dólares canadenses por hora.

14. Terapeutas Ocupacionais e Fisioterapeutas

Os idosos canadenses estão vivendo cada vez mais e, com isso, muitas profissões que atuam diretamente com esse público passaram a ser mais requisitadas. Esse é o caso dos terapeutas ocupacionais e fisioterapeutas, que realizam um trabalho fundamental na preservação e recuperação da mobilidade humana e, consequentemente, na qualidade de vida. O salário médio nessa área é de 23 dólares canadenses por hora.

15. Psicólogos

Com mais atenção sendo dada às questões de saúde mental e bem-estar em todos os setores da população, os psicólogos serão um dos profissionais mais procurados no Canadá nos próximos anos.

Ao ingressar nesta carreira, você poderá oferecer aconselhamento e terapia a pessoas que lutam contra depressão, ansiedade e outras condições neurológicas crônicas. Você também poderá escolher entre uma ampla variedade de especialidades, incluindo psicologia infantil, psicologia comportamental e psicologia cognitiva. O salário médio de um psicólogo no Canadá é de 40 dólares canadenses por hora. 

 

melhores-profissoes-para-imigrar-para-o-canadá-psicologia Os psicólogos têm uma perspectiva promissora entre as melhores profissões para imigrar para o Canadá

16. Estimadores de Construção

Embora o crescimento da construção civil no Canadá possa desacelerar nos próximos anos, os novos projetos de construção no país devem continuar a uma taxa moderada. E uma das profissões com mais perspectiva de crescimento dentro desse setor é o estimador de construção, que é a pessoa responsável por planejar e gerenciar os custos de uma obra com o objetivo de assegurar a saúde financeira dos empreendimentos.

Nesse cargo, você irá, entre outras coisas, avaliar custos e preparar estimativas e orçamentos para uma variedade de projetos de construção relacionados a áreas como arquitetura, engenharia elétrica, engenharia mecânica, engenharia estrutural e engenharia civil. O salário médio de um estimador no país fica na casa dos 31.25 dólares canadenses. 

17. Técnicos ou Assistentes Veterinários

A força de trabalho da saúde animal no Canadá também é mais jovem, com uma idade média de 33 anos para os profissionais da categoria. E uma coisa importante aqui é que os canadenses amam animais de estimação, e são dispostos a gastar o quanto for necessário para manter a saúde e bem-estar dos seus pets.

Só em 2018, por exemplo, eles gastaram coletivamente quase 9 bilhões de dólares canadenses com seus bichos! A média salarial para essa categoria é de 18 dólares canadenses por horas. 

6 melhores universidades do Canadá

Essas são as 17 melhores profissões para imigrar para o Canadá atualmente. Mas a verdade é que essa lista é muito maior, pois o país precisa desesperadamente de imigrantes qualificados para preencher várias posições de alta demanda. Portanto, se a sua área profissional (ou a profissão que você deseja seguir no futuro) não apareceu nessa lista, se acalme!

Outras categorias profissionais que podem ter boas chances no Canadá, por estarem inscritas na lista oficial de profissões elegíveis para o programa federal de trabalhadores qualificados, são: técnicos de laboratórios, médicos, gestores de seguros, gerentes corretores de seguros, imóveis e finanças, assistentes executivos, gestores de saúde, gerentes de restaurantes e serviços de alimentação, físicos, astrônomos, químicos, biólogos, arquitetos, paisagistas, assistentes sociais, bibliotecários, bombeiros, editores, jornalistas, supervisores de limpeza, chefes de cozinha, padeiros, cabelereiros, barbeiros, joalheiros e pedreiros. Você pode conferir a lista completa aqui.

Como é o ambiente de trabalho no Canadá?

Além do fato de permitir a residência no país, conseguir imigrar para o Canadá a trabalho também é uma vantagem em relações às ótimas condições de trabalho que você irá encontrar por lá. E isso, claro, vem com algumas obrigações da parte dos trabalhadores que são bastante apreciadas. Algumas das vantagens de trabalhar no Canadá, além do bom salário, são:

1. Colaboração e integração

O Canadá tem uma cultura de trabalho calorosa e acolhedora, e esta é uma das razões pelas quais construir um bom networking ao longo de sua experiência profissional por lá é tão importante. Você vai notar que, quanto maior for a sua rede de contatos, mais impacto você irá causar em possíveis entrevistas de emprego.

2. Horário justo de trabalho

A semana de trabalho padrão no Canadá é de segunda a sexta, das nove da manhã às cinco da tarde, como em muitos outros países. Ao se candidatar a um emprego, você deve pedir todos os detalhes, incluindo o código de vestimenta e informações sobre a equipe para a qual trabalhará, porque a colaboração entre colegas é valorizada.

Os gerentes geralmente tratam os funcionários de forma igual e o feedback deles é sempre bem-vindo. A pontualidade também é muito apreciada, por isso é de extrema importância cumprir o horário indicado.

3. A comunicação é fundamental

Os gerentes se preocupam muito com o ambiente de trabalho, por isso é importante sempre ter uma atitude positiva em relação a seus colegas, seu chefe e suas tarefas.

Também é importante se atentar a como você irá lidar com as informações passadas dentro do trabalho. Em outras palavras, se você não estiver totalmente satisfeito com um feedback de um gerente ou colega, ou menos se não entender algo bem o suficiente, é aconselhável expressar isso e, se necessário, fazer mais perguntas para quem for preciso.

E se eu quiser estudar e depois trabalhar no Canadá?

Se a sua ideia é estudar em uma universidade do Canadá e logo depois conseguir um emprego na sua área por lá, é importante ficar atendo às universidades do país que mais abrem portas no mercado profissional local.

Algumas das melhores são: Universidade de Toronto, Universidade McGill, Universidade da Colúmbia Britânica, Universidade de Montreal e Universidade McMaster. Também vale a pena dar uma olhada nos cursos da Universidade Thompson Rivers, da Universidade de Winnipeg, da Universidade York e do Humber College.