Dividir um apartamento ou até mesmo um quarto com um pessoa (ou mais de uma!) completamente desconhecida é algo que acontece frequentemente no mundo dos intercâmbios. É comum chegar em um país novo e de repente começar a dividir sua rotina com alguém que você nunca viu e até mesmo de uma cultura completamente diferente. Mas como fazer para não deixar que essa convivência não seja desastrosa?  A receita não é simples mas para começar com o pé direito tente seguir esses dicas para morar com estranhos no intercâmbio sem problemas.

10 conselhos imprescindíveis para morar com estranhos no intercâmbio

1. Compre a sua própria caneca

Vida de estudante no exterior quase sempre envolve um combustível muito importante: café! E ter a sua própria caneca para tomar esse líquido sagrado (também serve outras bebidas) com certeza vai evitar vários possíveis confrontos com seus novos colegas. Quanto mais incomum for o formato/desenho, melhor para evitar que a usem por engano.

morar-com-estranhos-no-intercâmbio

Esses “estranhos” farão parte das suas melhores memórias depois intercâmbio!

2. Ninguém vai ser tão organizado/desorganizado quanto você

Seja você uma pessoa que adora ordem e organização ou uma pessoa completamente bagunceira, sempre haverá alguém mais desorganizado ou organizado ainda. Se você não gosta das coisas em ordem, pelo menos mantenha sua bagunça no seu quarto. Assim você não incomoda os demais. Já se você for o organizado da turma, tente apelar sempre para o bom senso e resolva as coisas na base da conversa.

3. Tome banho nas horas certas

Compartilhar banheiro é uma coisa muito comum na rotina de quem divide um casa com outras pessoas. E se tem uma verdade incontestável sobre isso é que todo mundo resolve tomar banho no mesmo horário, principalmente pela manhã. Por isso o ideal é tentar estabelecer uma rotina de horários para todos os moradores… ou você pode ter que acabar escovando os dentes na pia da cozinha rs

4. Sempre avise quando for receber visita

Na maioria dos casos, intercambistas de um  modo geral não se incomodam muito de ter visitas dos colegas de apartamento em casa. Mas é sempre bom avisar com antecedência quando você for receber alguém, especialmente se a ideia for fazer alguma festinha ou reunião entre amigos. E nesse caso, não faz mal nenhum convidar os seus roommates para participarem.

5. Pergunte antes de comer a comida dos outros (e substitua se você o fizer)

Não há nada pior do que ir à geladeira comer aquela fatia de pizza que você guardou para o dia seguinte e descobrir que ela não está mais lá. Sempre peça permissão antes de pegar a comida do seu companheiro de casa, nem que seja apenas um ingrediente para alguma receita. Muito provavelmente a resposta será positiva, especialmente se você se comprometer a repor o que pegou depois.

6. Não faça festa fora de hora

Pode ser que você seja um dos sortudos que não têm a necessidade de revisar conteúdo antes de fazer uma prova, mas nem todo mundo é assim. Respeite o cronograma de provas dos seus colegas de casa e tente manter as interrupções ao mínimo durante esse período – e isso inclui festas! Haverá muito tempo para comemorar depois.

7. Seja como a Suíça

Viver com estranhos pode ser complicado, mas ao mesmo tempo recompensador. E, por mais estreita que seja sua amizade, sempre haverá assuntos que poderão causar algumas discordâncias e atritos. Em vez de deixar qualquer frustração se acumular, seja o mais neutro possível e discuta as coisas desde o início. Não deixe as coisas chegarem ao ponto de você se comunicar com sus colegas através de post-its na geladeira.

8. Reserve uma noite por semana para se divertir na casa

Não tenha nada pior do que dividir uma casa com pessoas estranhas e não criar nenhum vínculo afetivo com elas. Mantenha o moral da casa alto, sugerindo uma atividade semanal que una todos os moradores. Pode ser uma noite de cinema, uma refeição em grupo ou mesmo um “aquecimento” para uma balada. A ideia não é fazer nada muito elaborado, e sim uma coisa simples para ajudar a manter sua casa com um ar divertido.

morar-com-estranhos-no-intercâmbio

Reserve pelo menos um dia da semana para se divertir com os seus roommates

9. Tudo bem não ser melhor amigo do seu roommate

Você pode olhar pro olho do seu colega de casa pela primeira vez e criar uma conexão imediata ou você pode se dar melhor com outras pessoas que irão fazer parte da sua rotina, como colegas de classe, por exemplo. Isso não tem problema nenhum! Mas é fundamental que haja uma boa convivência com seus colegas de casa/apartamento, afinal, você não conseguirá evitá-los no seu dia a dia.

10…Mas vocês podes acabar sendo amigos para toda a vida

Ninguém vai te entender tão bem quanto os seus roommates, isso se você deixar é claro. Passar por essa experiência de viver em outro país com outras pessoas poderá criar laços de amizade duradouras. Então tente aproveitar cada momento junto dessas pessoas. Garanto que essas serão as suas melhores memórias depois que você voltar pra casa.

O que achou desses 10 dicas para morar com estranhos no intercâmbio? Tem mais algum conselho? Então compartilha com a gente nos comentários.

Você quer o quanto antes passar por essa experiência de morar com estranhos no intercâmbio? Então, que tal começar a se preparar de maneira mais focada para conseguir a sua oportunidade internacional? A nossa mentoria especializada pode te ajudar em todo esse processo! Clique aqui e faça agora mesmo o seu teste de perfil!


Rafael Cerqueira

Rafael Cerqueira

Jornalista de 26 anos que adora viajar. Baiano que já viveu em Minas, em São Paulo, em Portugal e na Argentina. Conhece 26 países e tem o sonho de conhecer muito mais. Acredita que o mundo é grande demais e o tempo muito curto pra ficarmos parados sempre no mesmo lugar.