Você sabia que a UNESCO, além de nomear lugares importantes do mundo como Patrimônio Mundial, também homenageia partes do planeta por outros motivos? Um dessas honrarias, por exemplo, é o título de “Cidades da Literatura”, que é concedido a lugares que têm um papel importante no incentivo à alfabetização em todo o mundo. E o melhor é que algumas dessas cidades também são ótimos destinos de intercâmbio para quem ama literatura. Confira seis delas abaixo!

Destinos de intercâmbio para quem ama literatura:

1. Melbourne (Austrália)

Melbourne é um centro literário na Austrália: para se ter uma ideia, mais pessoas pegam livros emprestados em bibliotecas de Melbourne do que em qualquer outro lugar do país! A cidade também hospeda quatro festivais literários a cada ano e abriga a maior rede de publicações da Austrália. Se você se interessar por estudar em Melbourne, há várias universidades por lá que oferecem cursos para quem ama literatura, com foco em escrita criativa e alfabetização, por exemplo.

4-quem-ama-literatura
Melbourne (Krista Purmale/Unsplash)

2. Dublin (Irlanda)

Dublin é famosa em todo o mundo por suas contribuições para a literatura. Lar de escritores famosos, como James Joyce, George Bernard Shaw, W.B. Yeats, Samuel Beckett e Seamus Heaney, a capital da Irlanda é, sem dúvidas, inspiradora para quem ama literatura e deseja aprender mais sobre as artes literárias.

Você pode encontrar diversas oportunidades de intercâmbio nessa área por lá, incluindo no Trinity College (não esqueça de dar uma olhada na sua famosa biblioteca) e em outras universidade onde você pode não só aprender sobre literatura, como também estudar a história da formação desse campo no contexto da cidade e também da Irlanda.

3-quem-ama-literatura
Biblioteca da Trinity College (Matteo Grando/Unsplash)

3. Reykjavik (Islândia)

Você pode se surpreender com o fato de a capital da Islândia, Reykjavik, também ser reconhecida como uma “Cidade da Literatura” pela UNESCO. Porém, Reykjavik tem um forte passado literário, principalmente por sua herança cultural única, incluindo as sagas Vikings. Por lá, eles têm até uma “corrida” anual de publicações pouco antes do Natal, chamada Jolabokaflod, quando muitos livros são lançados e você pode assistir a leituras em toda a cidade.

A Islândia é um destino de intercâmbio não-convencional, mas tem um apelo turístico muito forte. E quer uma maneira melhor de mergulhar na herança literária islandesa do que estudar em sua capital?

2-quem-ama-literatura
Reykjavik (Gylfi Gylfason/Pexels)

4. Dunedin (Nova Zelândia)

Com o nome inspirado em outra “Cidade da Literatura” da UNESCO (Edimburgo, chamada de Dùn Èideann no gaélico escocês), Dunedin está localizada na Ilha Sul da Nova Zelândia e é um destino popular de intercâmbio para quem ama literatura. A cidade é o lar do povo Kāi, que desempenha um papel importante nas tradições de história oral da Nova Zelândia, e também abriga o Centre for the Book, da Universidade de Otago, que explora tradições literárias e a relação da literatura com a tecnologia.

1-quem-ama-literatura
Dunedin (Victoria Kurtovich/Unsplash)

5. Granada (Espanha)

Granada foi reconhecida como “Cidade da Literatura” pela UNESCO por duas razões principais que atraem quem ama literatura para a região: a Alhambra e o Festival Internacional de Poesia, que acontece todos os anos em maio. A Alhambra foi chamada de “poema em pedra” devido à bela caligrafia gravada em muitas das paredes e portas da construção.

Tida por muitos viajantes como uma das regiões mais bonitas da Espanha, estudar em Granada é um ótima opção até para quem não quer se aprofundar em literatura!

7-quem-ama-literatura
A Alhambra (Dimitry B/Unsplash)

6. Montevidéu (Uruguai)

Capital do nosso vizinho ao sul, o Uruguai, Montevidéu tem uma longa e importante história de comércio — incluindo o comércio de artes na América do Sul. A cidade é lar de festivais de poesia e abriga as origens da literatura crioula e gaúcha.

Apesar de ser um local um tanto incomum para estudar no exterior, Montevidéu é um ótimo destino para aprender história, explorar a cultura sul-americana e ter acesso a outros países (como a Argentina, por exemplo) durante seu intercâmbio.

5-quem-ama-literatura
Montevidéu (Guillermo Vuljevas/Unsplash)

Intercâmbio com a UDI

Gostou da nossa lista de destinos de intercâmbio para quem ama literatura? Conta pra gente nos comentários para onde você iria! Se quiser realmente se preparar para estudar no exterior você pode contar com a ajuda da nossa mentoria especializada para garantir sua oportunidade internacional. Faça agora mesmo o seu teste de perfil clicando aqui!


Lucas Almeida

Lucas Almeida

Mineiro, jornalista e mestrando em Comunicação. Entusiasta de idiomas, viagens e cibercultura. Tem o sonho de mudar o mundo, uma pauta de cada vez.

+100 aulas sobre intercâmbios por apenas 99 centavos
+100 aulas sobre intercâmbios por apenas 99 centavos