Nós já falamos aqui que, entre todos os países anglófonos, você vai se dar muito bem se for estudar inglês nos EUA, principalmente pela questão da conversação. Mas como potencializar ao máximo o seu aprendizado do idioma quando estiver por lá? Listamos algumas dicas de como você pode voltar de lá fluente no idioma. Confira!

6 dicas para você por em prática quando for estudar inglês nos EUA

Faça uma imersão completa no idioma

Esse passo você pode começar antes mesmo de ir estudar inglês nos EUA. Comece a acostumar seus ouvidos assistindo TV ou ouvindo rádios em inglês. Você também pode mudar o idioma do seu celular, por exemplo. Quando já estiver lá, tente falar (e ouvir) o mínimo possível de português. Você só vai desenvolver bem suas habilidades na língua inglesa se tiver familiaridade com o idioma e conseguir pensar nele.

Leia muito

Essa dica vale para qualquer idioma, incluindo o português: ler aumenta muito o seu vocabulário. Quando estiver nos EUA, não leia apenas os seus materiais de estudo. Tente se aproveitar de todos os tipos de conteúdo que aparecerem, como livros, jornais e blogs. Isso vai te ajudar a escrever com mais confiança (e ainda vai te deixar bem informado!).

read-estudar-ingles-nos-eua

A leitura é uma ótima forma de descobrir novas palavras. Tenha sempre um dicionário por perto!

Anote tudo

Depois de treinar seus ouvidos e a sua leitura, você deve focar na sua escrita – um dos elementos mais cruciais para estudar inglês nos EUA. Isso porque um curso no exterior vai exigir que você escreva rápido (e de maneira legível), de forma que consiga anotar tudo o que os professores estiverem ensinando. Sendo assim, para treinar essa parte, você pode aproveitar a primeira dica e começar a anotar tudo o que você ouvir na TV ou no rádio. Por mais que a velocidade da fala seja diferente, você já vai começar a se preparar.

Escreva um pouco todo dia

Anotar algumas informações é uma coisa, entregar um texto inteiro para os professores é outra completamente diferente. Quando você for estudar inglês nos EUA, vai precisar fazer apresentações e entregar redações. Por isso é muito importante que você desenvolva sua escrita, mesmo que seja com ficção. Você também pode manter um diário ou criar um blog sobre sua experiência no exterior. 

Uma vantagem de ter um blog em inglês (ou até mesmo um perfil no Twitter), é que eles poderão ser encontrados facilmente por falantes nativos, que podem te ajudar com seus erros de gramática e ortografia.

write-estudar-ingles-nos-eua

Quanto mais você praticar, mais à vontade vai se sentir para se expressar de forma escrita

Preste atenção no vocabulário dos nativos

Lembra que dissemos que estudar inglês nos EUA é ótimo para desenvolver suas habilidades de conversação? Para isso acontecer, você precisa ficar atento às palavras que os nativos usam no dia a dia e incluí-las no seu próprio vocabulário. Isso vale tanto para conversas casuais quanto para as mais específicas da área de estudos que você quer seguir.

talk-estudar-ingles-nos-eua

Preste bastante atenção em todas as suas conversas por lá

Peça sempre ajuda dos nativos

Lembre-se sempre que você estará nos EUA para aprender, principalmente com as pessoas de lá. Sempre vai ter alguém disposto a te ajudar. Você pode pedir um suporte para alguém revisar seus textos, corrigir sua pronúncia ou simplesmente para conversar. Isso vai fazer toda a diferença no seu aprendizado do idioma. 

Caso você queira começar essa experiência antes mesmo de sair do Brasil, existem diversos sites que conectam falantes nativos de inglês com pessoas que falam português, para que ambos se ajudem a aprender a língua um do outro.

Intercâmbio com a UDI

Ficou animado(a) para ir estudar inglês nos EUA, mas ainda não sabe como? Não tem problema! A nossa mentoria especializada pode te ajudar a conquistar sua oportunidade no exterior. Clique aqui e faça agora mesmo o seu teste de perfil!

Cadastre seu e-mail aqui para receber nossa newsletter semanal e acompanhar tudo o que publicamos no Blog.


Lucas Almeida

Lucas Almeida

Mineiro, jornalista e mestrando em Comunicação. Entusiasta de idiomas, viagens e cibercultura. Tem o sonho de mudar o mundo, uma pauta de cada vez.

+100 aulas sobre intercâmbios por apenas 99 centavos
+100 aulas sobre intercâmbios por apenas 99 centavos