BOLSAS IDIOMAS PROVAS UNIVERSIDADES INSPIRAÇÃO TESTES RESUMÃO DA SEMANA MUNDO ESTUDAR FORA TRABALHAR FORA NOTÍCIAS

Common App: o que é Common Application

Quem vai se inscrever para universidades dos EUA, muitas vezes se depara com a opção de fazer a aplicação através da Common Application, também conhecida como Common App. E aí surge a dúvida: afinal, o que é Common Application? Se esse for o seu caso, não se preocupe! Nesse texto, vamos explicar tudo o que você precisa saber sobre essa plataforma!

O que é Common Application (ou Common App)?

A Common Application, também chamada de Common App, é uma plataforma online de aplicação. Criada em 1975, nos Estados Unidos, ela é utilizada por cerca de 900 instituições em diversos países como Canadá, França e Alemanha.

Ela seria mais ou menos o equivalente ao Sisu aqui no Brasil. Porém, o sistema é bem mais complexo do que o brasileiro. Os motivos para isso são que os critérios de seleção para as universidades internacionais levam em conta um sistema holístico, que considera não só as suas notas em uma prova.

A plataforma da Common Application inclui nas aplicações, entre outras coisas, o histórico escolar, atividades extracurriculares, notas de provas padronizadas e uma redação de 650 palavras sobre um tema específico. Geralmente os temas mudam a cada ano, mas os candidatos podem escolher entre sete opções. Além da redação da Common App, algumas universidades têm suplementos separados com perguntas adicionais.

 

1-o-que-e-common-application A Duke University é uma das instituições que aceitam a Common App

Onde o Common App é aceito?

É importante frisar que nem todas as universidades usam a Common Application. Algumas instituições ainda usam suas próprias plataformas de admissão, como a Universidade Georgetown e o MIT, por exemplo. O sistema da Universidade da Califórnia também usa uma plataforma própria e unificada para todos os 9 campi.

A mesma regra vale para outros países. No Reino Unido, por exemplo, o mais comum é que as universidades utilizem o sistema de aplicação padronizado de lá, o UCAS. Enquanto em lugares como o Canadá, muitas universidades preferem adotar apenas suas próprias ferramentas de aplicação.

Porém, muitas universidades dos Estados Unidos utilizam a Common Application. São mais de 250 universidades públicas cadastradas. Além disso, 60 instituições internacionais em  20 países aceitam a plataforma. Entre as universidades estadunidenses que aceitam a common app estão instituições de peso, como Stanford, Harvard e Yale.

Para ter certeza se uma universidade utiliza a Common Application, você pode verificar a lista completa na seção "Explore" da plataforma. Por lá você consegue filtrar as instituições pela localização, tipo de aplicação aceita e até que oferecem oferta de bolsas para alunos internacionais.

Existem outras plataformas de aplicação unificada?

É comum que existam plataformas de aplicação unificada em vários países. No caso da França, por exemplo, candidatos internacionais podem se registrar  pela plataforma do Campus France. Já na Alemanha, muitas universidades utilizam a UniAssist.

Mesmo nos Estados Unidos existem alternativas para a Common Application. As mais populares são a Universal Application e a Coalition Application. Essas, no entanto, abrangem menos instituições.

Outra opção é o QuestBridge Finalist. Este é um programa que seleciona alunos para ganhar bolsas integrais nas universidades americanas e que também permite aplicação direta para algumas universidades. Porém, é restrito para quem fez o Ensino Médio nos Estados Unidos.

É importante ter em mente que a maior parte dos sistemas de aplicação farão os mesmos tipos de perguntas dissertativas nos seus processos seletivos. Ou seja, o seu critério para escolher entre esses sistemas vai depender muito das universidades que aceitam cada um deles.

Quais são os benefícios de usar a Common App?

A Common Application oferece várias vantagens, ainda mais para os estudantes internacionais, que não têm tanta proximidade com as instituições de ensino. Para as universidades, a plataforma incentiva uma seleção mais diversificada de candidatos. Para candidatos, o serviço permite:

  • Aplicar mais rapidamente;
  • Evitar preencher as mesmas informações várias vezes;
  • Receber atualizações no celular ou no e-mail;
  • Gerenciar facilmente os requisitos e prazos da aplicação.

Uma das provas de que a Common App é uma boa solução é que ela é utilizada anualmente por mais de um milhão de estudantes. Esses dados são referentes às aplicações para a primeira seleção universitária. Porém, a plataforma também permite que os alunos se candidatem para transferência entre universidades.

Existe alguma desvantagem em usar a Common App?

Não dá para negar que a Common App é muito vantajosa. Poder aplicar para várias instituições de todo o mundo ao mesmo tempo poupa tempo e esforço. Porém, é preciso usar a plataforma com cautela.

Não é porque você pode se inscrever em várias universidades que você deva se inscrever em todas as instituições possíveis. É importante saber selecionar apenas aquelas que combinam com o seu perfil. Essa é a dica do Diretor de Aconselhamento Universitário da Universidade da Pensilvânia, Eric Furda.

Como criar uma conta para fazer a aplicação?

Uma das grandes vantagens da Common App é que você pode iniciar o processo o mais rápido possível, assim que criar sua conta. Esta é uma etapa que não requer preparação, mas que vai te ajudar a configurar seu perfil para que você possa começar a receber alertas e atualizações por e-mail. 

Para começar, você pode acessar o site da Common App e clicar no botão "Apply Now" para obter detalhes sobre como criar uma conta, fazer login e montar sua aplicação por meio da plataforma. Você também pode baixar o aplicativo para celular da Common App. Nele, você vai poder acompanhar de forma mais fácil os prazos e definir lembretes.

Depois de fornecer informações básicas para o seu perfil, você pode adicionar universidades à sua lista de interesse e procurar os requisitos específicos para saber o que esperar. Quando adicioná-las à sua lista, você vai poder ver como os requisitos de inscrição variam de uma instituição para outra. Você pode até configurar um “rastreador de requisitos” para estar preparado(a) para enviar tudo o que as faculdades pedem, no prazo correto.

O que vai ser preciso enviar?

Como já dissemos anteriormente, as universidades podem pedir documentos específicos, e isso varia bastante. No entanto, algumas documentações são praticamente “padrões”. Entre elas estão:

  • O seu histórico escolar;
  • Uma lista de atividades extracurriculares;
  • Notas dos testes como SAT e ACT; e
  • Informações sobre seus pais ou responsáveis.

Uma boa dica é pesquisar dentro da própria ferramenta da Common App quais são as universidades mais interessantes para você. Lá, você descobre quais são as documentações exigidas para cada uma das instituições.

Dependendo do país, por exemplo, as provas requeridas podem ser diferentes. E mesmo nos Estados Unidos existem universidades que são test blind e test optional. No primeiro caso, as notas de provas padronizadas não são consideradas. Já no segundo as notas são opcionais.

3-o-que-e-common-application A Common App centraliza as suas aplicações

Como preencher as seções da Common App?

Na tabela abaixo, você encontra uma descrição de todas as seções da Common Application, com os elementos que você precisa preencher e algumas dicas para não errar na hora de fazer sua inscrição na plataforma. Depois, trouxemos algumas informações sobre as seções complementares, que são específicas de cada universidade.

Seção

O que é preciso incluir?

Dicas

Profile

  • Nome;
  • Endereço;
  • Informações de contato;
  • Informações demográficas;
  • Idioma;
  • Nacionalidade

Esta seção requer muitas informações pessoais e familiares. Se você não tiver certeza de uma resposta, peça ajuda a seus pais ou responsáveis. O mais importante é responder a cada pergunta com honestidade e escolher as respostas que melhor se adaptam a você e à sua situação.

Um ponto realmente importante: certifique-se de incluir seu nome completo, como aparece em seu documento de identidade. Esta versão do seu nome deve corresponder à do seu histórico escolar e dos testes (SAT, TOEFL, etc). Do contrário, as faculdades podem perder sua papelada.

Family

  • Informações domésticas;
  • Pai(s) e/ou tutor(es);
  • Irmãos e irmãs

Nesta seção, você fornece informações sobre os outros membros de sua família. Se você não souber alguns dados sobre seus pais, responsáveis ou irmãos, pode pedir a ajuda deles enquanto preenche a seção!

Education

  • Escola atual ou mais recente;
  • Outras escolas (caso haja);
  • Faculdades e universidades;
  • Notas;
  • Honors;
  • Assistência de ONGs;
  • Planos futuros

A parte de faculdades e universidades também pode ser preenchida caso você, mesmo ainda estando no Ensino Médio, já tenha feito algum curso ou participado de alguma atividade em uma instituição de ensino superior.

Testing

  • ENEMs americanos (SAT/ACT);
  • Testes de proficiência (TOEFL, IELTS, etc.);
  • Outros testes

Se você selecionar “sim” para a pergunta sobre o abandono dos exames (ou seja, exames nacionais dados no final do ensino médio nos EUA), uma pequena seção vai aparecer abaixo dessa pergunta. Fique atento!

Activities

Para cada atividade listada:

 
  • Tipo de atividade;
  • Descrição do cargo e nome da organização (se aplicável);
  • Detalhes, honras conquistadas e realizações;
  • Níveis de notas de participação;
  • Tempo de participação;
  • Horas gastas por semana;
  • Semanas gastas por ano;
  • Se você pretende participar de uma atividade semelhante na faculdade

Depois de escolher o tipo de atividade no menu, o campo para a descrição do cargo e o nome da atividade é crucial. Você só tem 50 caracteres para usar em sua resposta, então faça com que cada um conte! Você pode decidir se deseja usar o nome oficial de uma organização ou um nome descritivo.

Writing

  • Personal essay (250 - 650 palavras);
  • Histórico (histórico escolar, histórico criminal);
  • Informações adicionais (redação opcional de até 650 palavras)

Lembre-se de que sua aplicação reúne muitas informações sobre você (aulas, notas, notas de testes, sua cidade natal, etnia e atividades). Essas coisas podem ser um ponto de partida para um essay, mas sua redação deve ilustrar, e não repetir informações importantes.

Seções complementares específicas das universidades

Depois de adicionar faculdades e universidades por meio da guia Pesquisa de faculdades, você verá seções adicionais a serem concluídas na guia Minhas faculdades. Essas seções variam de escola para escola e geralmente incluem:

  • Termo de entrada;
  • Status de escolaridade;
  • Preferência de auxílio financeiro;
  • Programa acadêmico (curso);
  • Família (se você teve membros da família freqüentando a faculdade);
  • Contato prévio com a instituição (entrevista, visita);
  • Suplemento de redação (essays específicos da faculdade e respostas curtas).

Quanto custa usar a Common App?

Embora os estudantes possam usar a Common App gratuitamente, algumas universidades ainda cobram uma taxa de inscrição, mesmo se você usar a plataforma para se inscrever. De acordo com o U.S. News & World Report, a taxa média de inscrição em 2021 foi de US$ 45.

No entanto, os estudantes que demonstrarem necessidade financeira podem solicitar formulários de isenção de taxas na seção “Profile” da plataforma. Para se qualificar, um orientador deve preencher o formulário, confirmando que o candidato atende às condições necessárias. Os candidatos que não atenderem aos requisitos iniciais também podem solicitar uma declaração de um conselheiro ou oficial de auxílio financeiro.

 

Que outros recursos da Common Application que você pode usar?

Você já entendeu o que é Common Application e qual é a sua função principal. No entanto, ela não é só uma plataforma para fazer aplicações. Nela, você também tem acesso a outros recursos, como conselheiro virtual, consulta de universidades e possibilidades de financiamento.

Um dos recursos mais populares é solicitar o acompanhamento de um conselheiro virtual. Esse conselheiro vai ser seu parceiro por todo o processo de aplicação: vai te dar orientações sobre a escolha de universidades, vai te ajudar nos pedidos de auxílio financeiro e vai até mesmo te dar dicas quando você for escolher um curso.

Como fazer uma aplicação de sucesso na Common App?

Agora que você sabe o que é Common Application, já pode começar a se preparar para ir bem na aplicação através dessa plataforma. E, que tal ter uma ajuda especializada para estudantes internacionais?

Para isso, você pode contar com a nossa mentoria especializada, a M60. Lá você conta com mais de mil aulas e material didático preparado por especialistas. Além disso, você pode enviar seus documentos para serem revisados antes da aplicação!

Isso tudo sem contar com a plataforma exclusiva de bolsas e com o suporte 24 horas! Ou seja, com a M60 você tem muito mais chances de ter um intercâmbio de sucesso! Basta clicar aqui e fazer agora mesmo o seu teste de perfil!

teste de perfil

*Este texto foi escrito por Lucas Almeida (2021) e atualizado por Ana Resende Quadros (2022)

Posts relacionados

Ana Resende Quadros
AUTOR

Ana é jornalista, mestra e doutoranda em Comunicação. Sua paixão é levar informação e conhecimento para todos e, assim, contribuir para a ampliação da cidadania.

08 Jul 2022

Postagens recentes
O que é GPA e como calcular?

O GPA é uma parte muito importante na aplicação para um intercâmbio. Mas você sabe mesmo o que é isso? Confira a explicação completa neste guia!

Rafael Cerqueira
30 Nov 2022
Assistantship: o que é?

Esse é um tipo de remuneração mais comum na pós-graduação no exterior. Descubra tudo sobre o assistantship!

Elaine Maciel
29 Nov 2022