Quando falamos de universidades australianas, qual é a primeira que você pensa? Aposto que você lembrou da Universidade de Sydney ou até mesmo da Universidade de Melbourne, certo? E se eu te disser que a melhor universidade do país não é nenhuma dessas duas?! Pois é… Pelo menos de acordo com um dos rankings de avaliação universitária mais importantes do mundo, a melhor universidade da Austrália é… a Australian National University, também simplesmente conhecida como ANU.

Já ouviu falar dela? Fique com a gente pra conhecer um pouco mais sobre essa instituição!

Australian-National-University-John-Curtin-School-of-Medical-Research
Escola de Pesquisa Médica da ANU (Foto: Angelo Tsirekas)

Por Dentro da Australian National University

História

As primeiras ideias para a criação de uma universidade nacional na Austrália surgiram no início do século XX e, logo após a determinação da localização onde seria criada a futura capital do país (Canberra), um terreno da região foi imediatamente reservado para a construção da ANU.

Os projetos para a criação da universidade e construção do campus foram interrompidos com a explosão da Segunda Guerra Mundial, mas retomados em 1942. Já a fundação definitiva da instituição ocorreu em 1946, trazendo de volta para Austrália vários estudiosos e pesquisadores do país que estavam espalhados pelo mundo.

Em seus primeiros anos, a ANU era dividida em apenas quatro unidades, sendo três centros de pesquisa em Ciências Físicas, Estudos do Pacífico e Ciências Sociais, e uma escola de pesquisa médica – a John Curtin School of Medical Research.

Ao longo dos anos 50 e 60, a instituição foi construído ou absorvendo boa parte de sua estrutura acadêmica que é utilizada até hoje. Inclusive em 1960, houve a anexação do Canberra University College (CUC), a primeira instituição de ensino superior da capital australiana. Ao passar a fazer parte da Australian National University, essa faculdade foi renomeada como Escola de Estudos Gerais, agrupando, inicialmente, programas nas áreas de Direito, Artes, Economia e Ciências.

Australian-National-University-Escola-de-Artes
Escola de Arte da ANU (Foto: Bidgee/Wikipedia )

Campus

O campus principal da ANU se estende por uma área de quase 145 hectares na localidade de Acton, um subúrbio de Canberra. Por ter nascido praticamente junto com a capital australiana, cerca de 40 edifícios do campus são reconhecidos pela Commonwealth Heritage List, um registro de patrimônio que lista locais sob o controle do governo australiano, em terra ou em águas de propriedade direta da Coroa Britânica.

Além dos prédios acadêmicos, o campus abriga ainda quatro sociedades científicas australianas (a Academia Australiana de Ciências, a Academia Australiana de Humanidades, a Academia de Ciências Sociais da Austrália e a Academia Australiana de Direito); onze residências estudantis e seis bibliotecas universitárias. Duas delas – a Chifley Library e a Hancock Library – ficam abertas 24h.

Outros órgão nacionais importantes não relacionados à universidade também têm suas sedes no campus. É o caso do Centro Nacional Australiano para a Conscientização Pública da Ciência e do Arquivo Nacional de Cinema e Som.

Outra informação interessante é que, com mais de 10 mil árvores, o campus da ANU é considerado um dos mais verdes da Austrália!

australian-national-university-library
Biblioteca Hancock (Foto: Nick-D/Wikimedia)

Organização interna

A Australian National University passou por uma reestruturação no ano de 2006 e hoje é composta por sete grandes faculdades acadêmicas que contêm uma rede interligada de faculdades, escolas e centros de pesquisa.

Ao contrário do que acontece em universidades americanas, onde é comum ter faculdades exclusivas de graduação e pós-graduação, na ANU cada faculdade é responsável pela educação nesses dois níveis, assim como pela pesquisa em suas respectivas áreas.

Confira abaixo as sete faculdades da universidade:

  • Faculdade de Artes e Ciências Sociais
  • Faculdade da Ásia e do Pacífico
  • Faculdade de Negócios e Economia
  • Faculdade de Engenharia e Ciência da Computação
  • Faculdade de Direito
  • Faculdade de Medicina, Biologia e Meio Ambiente
  • Faculdade de Ciências Físicas e Matemáticas

Rankings

De acordo com o QS World University Rankings 2021, a Australian National University é a 31ª melhor universidade do mundo, empatada com outras duas instituições: a McGill University, no Canadá; e a King’s College London, no Reino Unido. Fica na frente, por exemplo, da UCLA e da NYU, ambas instituições americanas de excelência.

Já quando consideramos apenas as universidades australianas, a ANU ocupa o incrível 1º lugar, o que geralmente é uma surpresa pra muita gente que acha que as universidades de Sydney ou de Melbourne ocupam esse posto. De fato, elas estão em segundo (40º no mundo) e terceiro lugar (41º no mundo), respectivamente.

Ainda nesse mesmo ranking, as áreas melhor avaliadas da Australian National University são: Antropologia, Geografia, Geologia, Filosofia, Política, Ciências da Terra, Ciências Marinhas, Sociologia, Arqueologia, Geofísica, História, Estudos de Desenvolvimento, Administração, Linguística, Artes, Humanidades e Direito.

Em outro importante ranking internacional – o THE World University Rankings 2021 – a ANU figura na 59ª posição entre as melhores universidades do mundo, na frente de instituições como a Universidade de Amsterdã e a Universidade Brown, uma das Ivy Leagues americanas.

australian-national-university-school
Escola de Políticas Públicas da ANU (Foto: Nick-D/Wikimedia)

Números

A Australian National University tem aproximadamente 21 mil alunos, sendo pouco mais de 10 mil de graduação e quase 11 mil de pós-graduação. Já entre professores eequipe administrativa, são cerca de 3800 funcionários.

Em termos financeiros, a instituição também se destaca, com um endowment de 1.37 bilhões de dólares australianos em 2018.

Universidade do Intercâmbio

Gostou de conhecer mais sobre a Australian National University e ficou com vontade de estudar por lá? Nossa mentoria especializada pode te ajudar a planejar seu intercâmbio e conquistar sua oportunidade fora do Brasil. Faça agora mesmo o seu teste de perfil clicando aqui e junte-se ao nosso time de mentorados!


Rafael Cerqueira

Rafael Cerqueira

Jornalista de 26 anos que adora viajar. Baiano que já viveu em Minas, em São Paulo, em Portugal e na Argentina. Conhece 26 países e tem o sonho de conhecer muito mais. Acredita que o mundo é grande demais e o tempo muito curto pra ficarmos parados sempre no mesmo lugar.