Além das notas do SAT ou ACT e as pontuações nos testes de proficiência, um personal statement é parte obrigatória de muitas aplicações para universidades dos EUA. Neste texto, vamos explicar o que é, de fato, uma declaração pessoal, por que as universidades usam essa forma de avaliação e os tipos de personal statement que existem. Vamos lá?

O que é um personal statement?

A terminologia pode ser confusa se você não estiver familiarizado(a), então vamos começar definindo alguns termos:

  • Personal statement (declaração pessoal) – uma redação que você escreve para mostrar aos avaliadores do processo seletivo da faculdade quem você é e por que merece ser admitido naquela instituição. É importante notar que, ao contrário do “college essay”, esse termo também é usado para redações de aplicação para pós-graduação.
  • College essay (redação universitária) – basicamente o mesmo que uma declaração pessoal, mas voltado apenas para o campo da graduação.
  • Essay prompt (solicitação de redação) – uma pergunta ou afirmação que seu personal statement deve responder.
  • Supplemental essay (redação suplementar) – uma redação extra, específica da escola ou do programa, além da declaração pessoal principal.

Muitas faculdades solicitam apenas uma redação. No entanto, outras instituições pedem que o candidato responda a vários prompts ou envie redações complementares, além do personal statement principal.

1-personal-statement
(Kat Stokes/Unsplash)

Por que as universidades pedem um personal statement?

Existem alguns motivos pelos quais as faculdades pedem aos candidatos que enviem um personal statement, mas a ideia básica é que esse documento forneça mais informações sobre você, especialmente quem você é além das notas.

1. Compreender sua personalidade

O papel mais importante do personal statement é dar aos avaliadores uma noção da sua personalidade e o que você poderia adicionar à comunidade acadêmica. Você é curioso(a)? Ambicioso(a)? Cuidadoso(a)? Esses tipos de qualidades terão um impacto profundo na sua experiência na faculdade, mas são difíceis de determinar com base nas suas notas do Ensino Médio. Basicamente, o essay contextualiza sua aplicação e mostra que tipo de pessoa você é além de suas notas e pontuações nos testes.

2. Avaliar suas habilidades de escrita

Um objetivo secundário do personal statement é ajudar as faculdades a comprovar se você possui as habilidades necessárias para ter sucesso nas aulas. A declaração pessoal é a sua melhor chance de mostrar sua escrita, então dedique um tempo para criar uma texto do qual você realmente se orgulha.

Dito isso, não entre em pânico se você não for um(a) ótimo(a) escritor(a). Os avaliadores só querem ver se você pode expressar suas ideias com clareza. No entanto, sua redação não deve incluir nenhum erro de ortografia ou de digitação.

3. Explicar problemas na sua aplicação

Para alguns estudantes, o essay também é uma chance de explicar os fatores que afetaram seu histórico escolar. Suas notas caíram no segundo ano porque você estava lidando com uma emergência familiar? Você se afastou de uma extracurricular por causa de um atestado médico? 

Nesses casos, as faculdades querem saber se você passou por um problema sério que afetou seu desempenho. Portanto, lembre de indicar quaisquer circunstâncias relevantes na sua aplicação. Lembre-se também de que, em alguns casos, haverá uma seção separada para você tratar desses tipos de questões.

4. Suas razões para aplicar para aquela instituição

Muitas faculdades pedem que você escreva uma redação ou parágrafo explicando por que você está se inscrevendo naquela instituição especificamente. Ao fazer essas perguntas, os avaliadores estão tentando determinar se você está realmente animado com a escola e se é provável que se matricule, se for aceito(a).

2-personal-statement
(Kaitlyn Baker/Unsplash)

Tipos de prompts

Felizmente, aplicações não pedem simplesmente que você “envie um essay sobre você” – elas incluem uma pergunta ou um prompt que você deve responder. Essas solicitações geralmente são bem abertas e podem ser abordadas de várias maneiras diferentes.

No entanto, a maioria das perguntas se enquadra em algumas categorias principais. Vamos examinar cada um dos tipos mais comuns de prompt, com exemplos da Common App, do processo seletivo da Universidade da Califórnia e de algumas outras instituições.

1. Sua história pessoal

Este tipo de pergunta pede que você escreva sobre uma experiência que transformou sua vida. Aqui, os avaliadores querem entender o que é importante para você e como sua experiência te moldou como pessoa.

Essas perguntas são comuns e complicadas. A armadilha mais comum em que os alunos caem é tentar contar histórias inteiras de vida – é melhor se concentrar em um ponto muito específico no tempo e explicar por que ele foi significativo para você.

Exemplos:

Common App

Some students have a background, identity, interest, or talent that is so meaningful they believe their application would be incomplete without it. If this sounds like you, then please share your story.

Alguns estudantes têm formação, identidade, interesse ou talento que são tão significativos que acreditam que sua aplicação não estaria completa sem eles. Se você se identifica com isso, compartilhe sua história.

Universidade da Califórnia

Think about an academic subject that inspires you. Describe how you have furthered this interest inside and/or outside of the classroom.

Pense em uma matéria escolar que te inspira. Descreva como você ampliou esse interesse dentro e/ou fora da sala de aula.

2. Enfrentando um problema

Muitos prompts tratam de como você resolve problemas ou lida com o fracasso. A faculdade pode ser difícil, tanto pessoal quanto academicamente, e os avaliadores querem ver se você está preparado para enfrentar esses desafios. A chave para esse tipo de pergunta é identificar um problema ou falha real (não um sucesso disfarçado!) e mostrar como você se adaptou e cresceu ao enfrentá-lo.

Exemplo:

Common App

The lessons we take from obstacles we encounter can be fundamental to later success. Recount a time when you faced a challenge, setback, or failure. How did it affect you, and what did you learn from the experience?

As lições que aprendemos com os obstáculos que encontramos podem ser fundamentais para o sucesso no futuro. Reconte uma ocasião em que você enfrentou um desafio, revés ou fracasso. Como isso te afetou e o que você aprendeu com a experiência?

3. Diversidade

A maioria das universidades é bastante diversificada, com alunos de diversas origens. O personal statement sobre diversidade foi elaborado para ajudar os avaliadores a entender como você interage com pessoas que são diferentes de você. Ao responder esses prompts, você deve mostrar que é capaz de se envolver com novas ideias e se relacionar com pessoas que podem ter crenças diferentes das suas.

Exemplo:

Universidade Johns Hopkins

Founded in the spirit of exploration and discovery, Johns Hopkins University encourages students to share their perspectives, develop their interests, and pursue new experiences. Use this space to share something you’d like the admissions committee to know about you (your interests, your background, your identity, or your community), and how it has shaped what you want to get out of your college experience at Hopkins.

Fundada no espírito de exploração e descoberta, a Universidade Johns Hopkins incentiva os estudantes a compartilhar suas perspectivas, desenvolver seus interesses e buscar novas experiências. Use este espaço para compartilhar algo que você gostaria que os avaliadores soubessem sobre você (seus interesses, seu histórico, sua identidade ou sua comunidade) e como isso moldou o que você deseja obter da sua experiência na Hopkins.

4. Seus objetivos

Este tipo de prompt pergunta o que você deseja fazer no futuro: às vezes simplesmente o que você gostaria de estudar, às vezes, objetivos de carreira a longo prazo. As faculdades querem entender no que você está interessado e como planeja trabalhar para atingir seus objetivos.

Você verá esses enunciados principalmente se estiver se inscrevendo em um programa especializado (como pre-med ou Engenharia) ou se inscrevendo por transferência. Algumas instituições também pedem essays complementares nesse sentido.

Exemplo:

University of Southern California (Arquitetura)

Describe one example of how you might use design as a future architect. The admission committee will review this statement as a measure of your awareness, determination and vision.

Descreva um exemplo de como você pode usar o design como futuro(a) arquiteto(a). O comitê de admissão vai analisar esta declaração como uma medida de sua consciência, determinação e visão.

5. Por que essa universidade?

O estilo mais comum de prompt é o “Por que nós?”. Nessas redações, você deve abordar os motivos específicos pelos quais escolheu ir para a faculdade para a qual está se inscrevendo. Faça o que fizer, nunca “recicle” essas redações para mais de uma instituição.

Exemplos:

Chapman University

There are thousands of universities and colleges. Why are you interested in attending Chapman?

Existem milhares de universidades e faculdades. Por que você está interessado em estudar na Chapman?

Columbia University

Why are you interested in attending Columbia University?

Por que você está interessado em estudar na Columbia University?

6. Prompts criativos

Faculdades mais seletivas costumam ter solicitações de personal statement com perguntas mais estranhas ou específicas. A Universidade de Chicago é famosa por suas solicitações estranhas, mas não é a única instituição que pede que você pense fora da caixa ao responder a suas perguntas.

Exemplos:

Universidade de Chicago

What can actually be divided by zero?

O que realmente pode ser dividido por zero?

3-personal-statement
Universidade de Chicago (Luiz Gadelha Jr./Flickr)

University of Richmond

By the time you graduate from college, there will be jobs that don’t exist today. Describe one of them and how Richmond might prepare you for it.

Quando você se formar na faculdade, haverá empregos que não existem hoje. Descreva um deles e como a Richmond pode te preparar para isso.

Intercâmbio com a UDI

Você já sabia o que era um personal statement ou ficou sabendo mais com esse texto? Conta pra gente nos comentários! Quer saber tudo o que envolve a aplicação para uma universidade no exterior e ainda ter toda uma equipe disponível para te ajudar a encontrar uma oportunidade lá fora? Então fique sabendo que você pode contar com a nossa mentoria especializada para isso. Clique aqui e faça agora mesmo o seu teste de perfil!


Lucas Almeida

Lucas Almeida

Mineiro, jornalista e mestrando em Comunicação. Entusiasta de idiomas, viagens e cibercultura. Tem o sonho de mudar o mundo, uma pauta de cada vez.

+100 aulas sobre intercâmbios por apenas 99 centavos
+100 aulas sobre intercâmbios por apenas 99 centavos